Pai Serafim de Aruanda

Pai Serafim de Aruanda...

O Mensageiro de Ifá.


Serafim nasceu em Senzala Carioca, no ano de 1673. Seus pais eram escravos convertidos ao catolicismo e por isso ele recebeu o nome de "Serafim" - o Mensageiro do Senhor. Ele foi uma criança travessa, mas obediente, que aprendeu desde cedo o catecismo. Mas, algo dentro dele se incendiava quando ouvia falar dos Orixás. E assim, sempre que podia, Serafim ia até a casa de Nega Nhonha, a benzedeira da Senzala. Ele lhe pedia que contasse as histórias dos Santos Africanos e de suas tribos.
Nega Nhonha percebeu que ali estava alguém para prosseguir com sua missão e começou a ensinar ao menino tudo o que sabia da tradição. Procurou a mãe de Serafim e lhe pediu permissão para educar o menino. Josefa, a mãe de Serafim, fez apenas uma ressalva: não queria que o menino sofresse perseguições. Então Nega Nhonha ensinava, mas pedia a Serafim que não comentasse com ninguém o que aprendia.

Quando Serafim completou 17 anos, o ano de 1700 iniciou... D. Josefa ficou doente e parecia ter pouco tempo de vida. Antes de morrer ela pediu ao filho: "Meu filho, quando você puder fuja dessa vida, vá para o Quilombo e pratique a arte de nossos ancestrais. Não se esqueça do que aprendeu por aqui, mas também não esqueça nossas raízes". Serafim viu sua mãe morrer e ficou só no mundo. Nunca soube quem era seu pai, pois ele foi vendido logo após seu nascimento.
Serafim já ouvira falar dos Quilombos, mas era difícil fugir da Senzala. Aqueles que haviam tentado foram capturados e açoitados até a morte, para servir de exemplo aos demais. Mas, Serafim, começou a sentir crescer sua vontade de fugir, cada vez maior e incontrolável... Um dia programou sua fuga junto com outros negros. Eles partiriam para um Quilombo nas bandas das Minas Gerais, um local novo e ainda desconhecido.
O dia combinado chegou e ele muniu-se de coragem. Prepararam tudo com antecedência e durante a noite agiram conforme o plano. Muitos capatazes ficavam a espreita, mas eles haviam colocado uma espécie de sonífero na bebida deles e estava aguardando o mesmo fazer efeito. Quando a bebida fez efeito, eles se reuniram e partiram.
Os escravos seguiam a pé, pelo meio das matas. Eles sabiam que quando o dia amanhecesse seriam perseguidos a cavalo pelos capatazes. Um dos foragidos conhecia as matas e o caminho para o Quilombo, pois já havia seguido com outro grupo certa vez, mas foi capturado - ele sobreviveu porque se entregou e não lutou então suas chibatadas foram mais amenas.
Com três dias andando a pé, ainda faltava muito para chegar... Eles seguiam devagar e na espreita, mantendo a cautela para não serem descobertos. Naqueles tempos, eles poderiam ser presos por qualquer fazendeiro e entregues ao antigo patrão mediante recompensa. Portanto, eles não podiam ser vistos por nenhuma pessoa. Muitos de sua raça eram contratados dos patrões para entregar os fujões, então eles não podiam confiar em ninguém que não fosse do grupo.
O grupo conseguia avançar em torno de 50 km por dia e, no final de uma semana, chegaram ao destino. Eles foram bem recebidos pelo chefe do Quilombo e descobriram as vantagens de viver em meio aos "calhambolas". Os Quilombos das Minas Gerais, diferente de outros Quilombos, possuíam algumas vantagens: eram próximos às feiras, podiam comercializar seus produtos e não eram perseguidos pelos Senhores do Mato. Minas Gerais estava crescendo muito e toda mão de obra era bem vinda. Assim, quem vivia nos Quilombos comercializava livremente com os mineradores e podia frequentar as feiras.
Foi nesse meio que Serafim encontrou sua história e reconstruiu sua vida. Começou trabalhando como minerador e trocando com os capitães seus achados, mas em breve sua vida mudaria novamente. Dois anos depois de estar no Quilombo, uma pessoa chegou gritando às pressas por alguém que soubesse curar mordida de cobra. Havia no Quilombo uma Mãe Preta que benzia, mas ela estava adoentada e não atendia mais... Serafim, muito timidamente, ergueu sua mão e disse: "-Eu sei." Os demais até duvidaram, pois ele ainda era jovem e não parecia um benzedor. Mas, na falta de recursos, qualquer um servia... O negro correu e pegou Serafim pela mão, levando-o até a vítima, que já estava semimorta. Era uma bonita moça, grávida de uns sete meses.
Serafim afastou-se, foi até umas plantas, colheu umas ervas, macerou-as e pediu água quente. Fez um chá e reservou. Com um canivete, fez uma cruz no local da picada e apertou... Depois colocou o sumo das ervas aquecida e enfaixou com um pano. Deu o mesmo sumo para a moça beber e avisou: terei que fazer a criança nascer para que a mãe possa se recuperar melhor.
Naquele tempo, criança de sete meses não sobrevivia e o pai escolheu a vida da mãe. Serafim tinha outros planos e clamou aos seus Orixás pela vida do rebento. Fez suas orações e mandigas e começou a pressionar o ventre da moça. Em pouco tempo ouviu-se o choro de uma criança - era um menino. Serafim disse: tragam leite de cabra e chá de arruda. Deu o chá de arruda para a moça que vomitou muito... Lavou sua parte íntima com o chá misturado ao sumo e envolveu-a em faixas. Pediu cobertor e disse: ela precisa descansar. O leite de cabra é para o bebê, ele não pode beber leite humano ou de vaca. Enfaixem bem o bebê e não o deixem tomar qualquer friagem ou sol, por sete dias. Somente depois disso, podem trocá-lo e levá-lo a outro lugar...
Depois de uma semana, mãe e filho estavam recuperados e a fama de Serafim correu Quilombos. Começaram a vir pessoas doentes de todas as regiões e até mulheres com problemas para parir procuravam por Serafim. Todos confiavam nele, pois ele era muito respeitoso e as mulheres não corriam qualquer risco. Assim, os anos passaram e Serafim tornou-se o "médico" dos Quilombos. Mas, brancos também o procuravam, quando a medicina dos homens não funcionava mais. Ele se tornou tão respeitado que até os Sinhozinhos o mandavam chamar se algum problema mais sério caísse sobre suas fazendas.
Dez anos depois, Serafim ainda era um homem solteiro. Mas, ele precisava da ajuda de alguém, pois seus serviços eram muito solicitados. Um dia chegou ao Quilombo uma negra fugida de Pernambuco. Ela estava muito judiada e Serafim não conseguiu salvá-la. Ela tinha uma filha de quinze anos e disse pra ele: "-Por favor, tome minha filha como esposa, pois sei que você é sozinho. Eu vejo que você é um bom homem e precisa de alguém para ajudá-lo. Ela sabe fazer de tudo e poderá auxiliá-lo nos atendimentos." Serafim temia casar-se, pois havia visto o sofrimento das mulheres e isso o incomodava. Sua mãe havia sido violentada muitas vezes e ele guardava essa dor consigo. Muitos não sabiam, mas ele não havia dormido com nenhuma mulher. Quando a mãe da moça morreu ele levou-a para morar com ele e não a tocou...
Com o tempo, ela aprendeu tudo e o auxiliava nos atendimentos. Ninguém sabia que eles viviam como irmãos. Mas, uma noite, Margarida (esse era o nome da jovem) foi até leito de Serafim e disse: "-Você não me deseja?" Ele respondeu: "-Fiz uma promessa aos meus deuses para que eles me ajudassem nas curas e prometi não me deitar com ninguém." Margarida respondeu: "Façamos outra promessa... Todos os nossos filhos serão Deles e Eles terão servos fiéis, pois os educaremos para isso." Então, Serafim respondeu: "Preciso de três dias...”.
Serafim instruiu Margarida e se ausentou para as matas por três dias. Fez seus rituais e conversou com os Orixás. Então, uma pomba branca lhe pousou no ombro e arrulhou em seu ouvido. Era uma resposta de Ifá e Serafim sabia o que devia fazer.
Ele voltou ao Quilombo e disse a Margarida: "-Podemos nos casar. Nossos filhos serão como os Odus do Búzio." E eles tiveram dezesseis filhos e cada filho pertencia a um Orixá. Quando o último filho completou 16 anos, Serafim o preparou e avisou: "-Você ocupará meu lugar." Ele era filho de Ifá e chamava-se Orumimaia. Serafim morreu aos 72 anos em seu leito, quando todos os Orixás lhe saudaram e disseram: "-Você fez bem. Você cumpriu sua missão!" Serafim fechou os olhos para a terra e abriu os olhos espirituais, passando a cumprir uma nova missão: a de Pai Velho.

Benção vô Ambrósio, hoje venho lhe pedir uma explicação para melhor entender o que o senhor me diz.
- Oxalá te abençoe meu fio! Negro Ambrósio fica feliz com sua presença e gosta de fazer proseador com todos os fios que aqui vem.
- Meu vô, como o senhor mesmo sabe já faz algum tempo que venho a essa casa e falo com o senhor. Como já lhe disse não tenho uma situação financeira ruim, ao contrário, nunca tive problemas dessa ordem o que sempre me facilitou uma vida com fartura e bem-estar desde a infância.
- Certo meu fio, negro Ambrósio já tem cunhecimento de tudo isso que suncê falou.

- É meu vô, por essa razão gostaria de lhe perguntar porque o senhor toda vez que fala comigo me aconselha a fazer a caridade? O senhor não já sabe que faço isso todo mês entregando gêneros alimentícios aos que estão carentes? Além do que, na minha empresa mantenho uma creche para os filhos dos meus empregados para que assim possam trabalhar com mais tranqüilidade. Por isso gostaria que me explicasse o porquê desse conselho, dentro da minha consciência cumpro com meu compromisso.
- É verdade meu fio, tudo isso que suncê falou pra negro veio, faz parte de seu compromisso e fio cumpre direitinho sua parte. Porém fio esse compromisso faz parte de seu social. Suncê alimenta o corpo material que precisa de sustentação pra ficar de pé, pois se não for assim fio tem prejuízo, só que o fio também precisa distribuir o pão espiritual e assim fazer a caridade.
- Não entendi meu vô seja mais claro? Que caridade espiritual é essa?
- É a mesma que esse meu aparelhinho faz aqui no terreiro. Suncê precisa assumir sua condição de médium.
Espantado, disse o senhor: como é que é vô Ambrósio o senhor está me dizendo que tenho compromisso com a mediunidade na Umbanda é isso?
- É isso sim, meu fio. Suncê tem compromisso com essa banda.
Ante as muitas verdades que ele já tinha ouvido, nunca uma afirmação estava tanto a lhe remoer a alma. Como seria possível? Achava bonito a Umbanda, gostava do cheiro das ervas e do cachimbo dos vôs, mais daí então a ser médium era demais para ele.
Mesmo de forma acanhada buscando aparentar tranqüilidade aquele senhor disse ao vô:
- Meu vô acho que há um equívoco, pois nunca senti nada a respeito da mediunidade.
- Num sentiu porque se prende e que não quer dizer ou suncê acha que nego veio não vê o companheiro de Aruanda que lhe acompanha e que hoje está dando autorização pra fazer esse conversado? Meu fio diz que gosta do cheiro das ervas e desse terreiro - o que é uma verdade - mas o que fio não se vê é dobrando o corpo para prestar a caridade, deixando assim que seu Pai Preto também lhe traga lições para seu caminhar. Então meu fio, enquanto suncê não entender, nego veio vai continuar repetindo o conselho: faz caridade fio, faz caridade fio! Mesmo que tenha que arrepetir isso por muitas veis, pois água mole em pedra dura fio, tanto bate inté que fura. Olha fio! Eu tenho um compromisso moral com esse companheiro de Aruanda que te acompanha e te agaranto que não será de minha parte que não será cumprido.
Pensa no que esse veio te falou e dispôs vem prosear novamente, pois o passo de veio é miudinho e devagarzinho, só tem uma coisa fio: o tempo corre e espero que suncê queira aproveitar enquanto tá desse lado de cá!


Mensagem do Caboclo Tupinambá

Nos tempos de tribo, em que toda tecnologia que tínhamos era o arco, a flecha, o machado de pedra e alguns outros utensílios, e que nossas maiores aflições eram como garantir o alimento caçado do dia para nutrir a tribo e vez por outra defendê-la de rivais territoriais.

Preocupávamos acima de tudo com a nossa continuidade, com o legado que deixaríamos aos nossos descendentes e que não era terra, ou qualquer materialidade, até porque nada nos pertencia, tudo era da natureza, dela extraíamos o sustento, o abrigo, o ensinamento. A natureza ensina…

Ensina que não há árvore sem raiz, que os pássaros não cantam quando aprisionados, que a água sempre vence os obstáculos devidos sua essência maleável. Que o ar é invisível, para que ao menos ele, não queiramos deter.

Ensina que os ventos sopram a continuidade dos ciclos, transportando sementes e microorganismos de um lado ao outro para que tudo flua naturalmente, e ensina que tudo tem seu tempo, não há tempestade que não cesse e que não há calmaria eterna, o primeiro sacode e revolve as estruturas “acomodadas” e inférteis para que o segundo encontre novas possibilidades de superação e continuidade da vida.

No entanto, aprendemos isso sobre a natureza porque nossos antecessores nos ensinaram ler a natureza. Lê-se a natureza observando em silêncio.

Hábito cada vez mais distante dos filhos encarnados neste período da Terra. O tempo que sempre foi o “Deus da Razão”, agora é caro e acusado por faltar aos filhos da Terra.

Então, diante dos conflitos, as tormentas e enfrentamentos, vocês, filhos da Terra, continuam num processo obsessivo em busca de facilitações, de encurtamento do trajeto, de se possível enganar a natureza. Buscam-se respostas e responsabilidades fora, no outro, nas coisas, no mundo e quase sempre se isenta diante os fatos.

Pratique o silêncio!

Quem não sabe silenciar, não escuta o coração, não entende o que é intuição e não capta a ajuda espiritual.

Silencie!

Pois o barulho confunde, palavras e tentativas de justificativas constantes ludibriam e paralisam.

Silencie!

No silêncio da boca serrada, resta-lhe o pensamento, a consciência não falha e diante dela seja honesto, humilde e coerente.

Silencie!

E compreenderá que para tudo tem uma resposta em você e que tudo tem um sentido de ser e se ainda não compreender é porque não silenciou o sabotador dentro de você.

Silencie!

E então, harmonizar-se-á com o fato de que tudo tem um ciclo natural para acontecer, para ir e vir, para fluir, para ser.

Silencie!

Aprenderá que as tormentas sacodem, as tempestades amolecem e que como vieram se vão, o que importa é como você estará depois dela.

Silencie!

Para aceitar que a bonança não é acomodação, não é falta de desafios, mas sim a oportunidade de trabalhar ainda mais intensamente e melhor caso tenha amadurecido e se fertilizado durante a tempestade.

Silencie!

E responda: O que é que você esta deixando para os seus sucessores?

Silêncio, Pratique!

Mensagem de Rodrigo Queiroz sob inspiração do Caboclo Tupinambá


O QUE É UM CRUZEIRO DAS ALMAS

Cruzeiro das Almas


O QUE É UM CRUZEIRO DAS ALMAS!!!!
Isso da azar? Chama a morte?

PAI OBALUAYÊ, Orixá da transmutação cujo nome significa (REI SENHOR DAS TERRAS) e com base nos muitos mistérios deste grande e amoroso Orixá abordaremos um tema pouco compreendido dentro da Umbanda o CRUZEIRO DAS ALMAS.

Geralmente encontrado dentro dos cemitérios que na Umbanda conhecemos como CAMPO SANTO ou ainda CALUNGA PEQUENA (Espaço Sagrado), o CRUZEIRO DAS ALMAS ficou conhecido como ponto de referência para que velas sejam acesas em lembrança e homenagem das pessoas que ali foram enterradas em um ritual para que suas almas sejam levadas a DEUS. Deixamos claro aqui que não levantamos em hipótese alguma criticas para os irmãos de outras denominações religiosas que lá se dirigem no Cruzeiro (termo mais conhecido e usado) tomando o fato citado acima somente como exemplo.

Infelizmente também presenciamos em determinados cruzeiros trabalhos de ordem negativa que fogem do conhecimento de quem o fez do sentido religioso que este ponto de forças tem dentro da Umbanda e ainda vale lembrar que em outras situações encontramos sujeira que também é um fator de desrespeito para com Obaluayê e para com os que lá se dirigem.

Um CRUZEIRO DAS ALMAS é uma passagem, ou ainda, um portal onde o espírito passa de um plano vibratório para outro e o Orixá que rege este campo de ação é Obaluayê, mas o cruzeiro serve somente para isso? Podemos interpretar "plano vibratório" como campo de energias, isso pode se aplicar a diversas situações que estejamos passando em nossas vidas como por exemplo: Uma doença física, emocional, uma obsessão complexa ou mesmo simples, magoas, ódios, rancores e todo sentimento de ordem negativa e quando falamos em TRANSMUTAÇÃO nos referimos também a modificação de vibração que nos problemas citados acima seria o oposto ou seja o lado positivo.

Se nos referimos a "planos" podemos ainda simplificar por "passagens" para que de forma simples nos tornemos mais compreendidos que da o título muito conhecido de Pai Obaluayê como também "SENHOR DAS PASSAGENS".

Direcionamo-nos agora para uma casa, centro, tenda de Umbanda onde encontramos nos terreiro sempre um "cantinho" das almas" ou o CRUZEIRO DAS ALMAS. Muitas vezes um determinado guia nos da uma vela branca e nos pede para firmá-la no mesmo, logo interpretamos que estamos com eguns, quiumbas ou algum sofredor, mas nos esquecemos que tal qual no campo santo, ali também é um ponto natural e sagrado de Obaluayê e muitas vezes a "vela" não para os outros, mas sim para nós mesmos, para podermos com a ajuda do Pai Transmutarmos algo de ruim ainda que não estamos conseguindo sozinhos resolver dentro de nós. Lembramos ainda que o Cruzeiro de um centro tem a função de proteger também a casa de ataques de seres infelizes vampiros espirituais, etc. Como no campo santo é feito.

Como podem ver nada tem a ver um cruzeiro das almas com azar ou chamamentos da morte, isso é fruto de crendices populares e gente infelizmente ainda mal informada dentro e fora da Umbanda. Além de um campo de proteção para a casa, ali ficam direcionadas as forças do Orixá Obaluayê, para que de forma sagrada e ritualística elas possam ser evocadas.

Atoto Meu Pai Obaluayê!

Por Pai Géro
FONTE PESQUIZA-ESPIRITUALIZANDO COM A UMBANDA
— com MITOLOGIA AFRICANA E SUAS INFLUÊNCIAS

 

.

Sentimentos e emoções.

entro pai joao de angola

 

Sentimentos e emoções.

Entenda que sentimentos é o que sentimos. Eu estou triste. Estou com raiva. Estou com medo, infeliz, magoada, contente. Sentimento todo mundo tem e não fugimos dele. Existe e pronto! Emoção é o modo como reagimos a estes sentimentos. Se estou com raiva e resolvo não me controlar e reagir- ou seja, brigando, ofendendo, xingando - eu escolho ter esta atitude. Acontece que para toda ação existe uma reação e você poderá se arrepender depois, e a palavra não tem volta. Quantas vezes você não disse coisas que levaram você a se arrepender depois? Entretanto ter também um sentimento e não expressá-lo, pode sufocar causando inclusive doenças físicas e emocionais. Por trás de uma emoção sempre existe uma lição que escolhemos como responder. Que lição poderia ser? Aprender a dizer não? Ser mais tolerante? Paciente? Amorosa? Esta capacidade e predisposição em refletir e ponderar nossos sentimentos e como responder às nossas emoções é um exercício de vida e uma oportunidade de crescimento espiritual. Pense nisso!

 

.

umbanda

 

SENSAÇÕES FÍSICAS E EMOCIONAIS
Quando começamos na corrente mediúnica, sentimos muitas sensações que acabam gerando muitas dúvidas.

Quando passamos a entender certos processos, eles passam a nos soar mais familiares, a parecer mais simples e natural.. nem nos causar mais tanto medo e insegurança, principalmente se temos a oportunidade de estar em contato com outros que passam o mesmo ou parecido com o que passamos.

Assim criamos mais segurança e vencemos o medo do desconhecido.

Não se apresse, não se pressione , nem permita que outros façam isso.

Cada pessoa tem seu tempo, pois não envolve somente "abertura de canais mediunicos", mas o emocional e o psicológico precisam estar bem tambem, para que tudo ocorra de forma salutar, que traga alegria, leveza e satisfação.
e não mais agonia, desespero, medo e insegurança....

Existem várias reações, sensações e efeitos que se manifestam em nós, resultado do processo de movimentação energética.
Essa movimentação tanto pode ocorrer durante a gira, anterior a ela, pois nossos espíritos já estão preparando nosso campo energético horas e as vezes dias antes (dependendo do tipo de trabalho que ocorrerá).

Mas não devemos esquecer que somos um campo sempre em atividade.
E podemos sentir algum efeito mesmo não estando "ativada" dentro de nosso terreiro atuando numa gira.´

Nós estamos semprem em contato com pessoas e ambientes , e somos mais que outras pessoas, sensiveis a possiveis presenças de campos energéticos de outras pessoas e ambiente, assim como nossas entidades podem estar agindo para assistencia a terceiros junto a nós, sem que nos demos conta disso.
Tambem podemos estar sendo doadores naturais de ectoplasma, e outros tipos de fluidos a alguem desvitalizado que funciona como um fonte sugadora de nossas energias.
E tudo isso pode causar alguns efeitos colaterais e deixar sensações e causar alguns efeitos , que logo passam.
Outras vezes precisamos de algum tipo de recarga;
- banho de ervas ou passes energéticos, para repor a energia gasta.

O mais importante é entender que se você é uma pessoa equilibrada, que sempre está equilibrando suas energias, repondo e em constante movimento, que você está harmonizada com seus guias..... eles estarão sempre assistindo você, seja no terreiro ou não.
Eles tomam conta até quando não percebemos, nas coisas simples do dia a dia.

Os Bocejos
São frutos da emancipação/ soltura do corpo astral que está sendo preparado para o afastamento que virá com a incorporação.
O bocejo se dá por entrarmos num estado de relaxamento (parecido ao que antecede o sono) , onde também há o desdobramento perispiritual....

é um processo normal que todos sentem , uns mais que outros !!!

Os bocejos fora da corrente mediunica, sem o mecanismo da incorporação que virá PODE indicar movimentação energética de chakras para a doação (involuntária ou não) de energias a terceiros, principalmente ectoplasma.
Pode ser provocado involuntáriamente como um processo natural que o campo magnético de determinadas pessoas podem sugar, ou voluntário, quando uma entidade sua , ou da pessoa usa a sua energia para ajudar aquela pessoa que se encontra carente de cargas fluidicas.

ARREPIOS
- talvez seja o efeito mais comum, resultado da sensibilidade da troca energética entre que processa... e descargas elétricas de nosso duplo etérico.

ENJÔO
- pode ser resultado da movimentação do chakra gástrico para doação de energias, ou alguma entidade que atue e vibre nesse campo de força.
As entidades podem atuar no chakra gástrico, podendo causar enjoos e se nosso organismo estiver pesado com alimentos densos como carnes vermelhas e de dicifil digestaõ , pode até provocar vômito e muito mal estar.

E MOVIMENTOS INVOLUNTÁRIOS
- indica movimentação do duplo etérico, ação das entidades sobre nosso campo magnético, agindo sobre os chackras, tanto pode ser com o objetivo de troca energética, como para incorporar, ou preparar os centros de força para incorporações futuras, ou seja, quando estão "amaciando a carne' para posteriores incorporações .

CHORO
-Entidades que mexem com nosso sistema nervoso,responsavel pelas emoções,fazem com que sintamos vontade de chorar e uma emotividade muito grande.(yemanjá,Oxum)

DORES
- Entidades que atuam no chakra básico que fica no final da coluna vertebral, fazem com que sintamos dores nas costas, principalmente no inicio,podendo também refletir na parte alta das costas(P.Velhos)

Pai Guiné

centropaijoaodeangola.com/pai-guiné.php

Mensagem de Pai Guiné aos Papais - Pelo Médium Danilo Lopes Guedes CONVERSANDO COM DEUS Você conversa com ... Vovô já vai, já vai pra Aruanda.

Amuletos & talismãs

centropaijoaodeangola.com/amuletos-e-talismãs.php

Salve a corrente Sagrada de Preto-velho Salve Pai Benedito de Aruanda Centro Pai joão de Angola, localizado em Maringá Parana, Pai João de angola.pai ... conselhos .... centropaijoaodeangola.com/pai-serafim-de-aruanda.php ... os olhos ...

ASSISTÊNCIA

centropaijoaodeangola.com/assistência.php

Pai OXALÁ nós pedimos a vossa proteção para todos os médiuns e a assistência. Pai OXALÁ vibre .... centropaijoaodeangola.com/pai-serafim-de- aruanda.php.

Centro Pai João de Angola/Maringá Pr

centropaijoaodeangola.com/banhos/banhos-diversos.php

Quando algum texto for de autoria do Centro Pai João de angola, o responsável será indicado; da mesma forma que fazemos com .... pai serafim de aruanda.

Intolerância Religiosa

centropaijoaodeangola.com/intolerância-religiosa.php

Na Aruanda, Pai Antonio de Angola foi procurado por um negro velho chamado Pai Chico Preto Baiano, que lhe propôs uma parceira de trabalho. Pai Chico ...

conselhos dos preto-velhos

centropaijoaodeangola.com/conselhos-de-preto-velhos.php

Pai Joaquim de Aruanda – (Recebido espiritualmente por Wagner Borges – São Paulo, 16 de ... centropaijoaodeangola.com/pai-serafim-de-aruanda.php.

Oração ao Pai Joaquim

umbandapaijoaodeangola.com.br/oração-ao-pai-joaquim.php

Oração ao Pai Joaquim Meu Bondoso e querido Pai Joaquim, tens sido um amigo de todas ... Pai Joaquim jamais me abandone, mesmo que eu na minha ignorância, ... História de Vó Cambinda · Pai Serafim de Aruanda · Pontos Cantados ...

Centro Pai João de Angola/maringá Pr.

centropaijoaodeangola.com/banhos/banhos-para-o-amor.php

... algum impedimento espiritual atrapalhando a nossa união, que seja quebrado agora em nome de Deus Pai, Filho e Espírito Santo. ... pai serafim de aruanda.

Centro Pai João de Angola

centropaijoaodeangola.com/altar-virtual-de-oxum.php

Centro Pai João de Angola/Maringá/Pr. Av. Sofhia Rasgulaeff 177/ Jardim ... logum edê · História de Vó Cambinda · Pai Serafim de Aruanda · Pontos Cantados ...

oração ao preto velho pai benedito de aruanda

umbandapaijoaodeangola.com.br/oração-a-pai-benedito-de-aruanda.php

ORAÇÃO A PAI BENEDITO DE ARUANDA Salve São Benedito! Saravá o Cruzeiro Santo das Almas! Saravá o bondoso preto-velho de Umbanda Pai Benedito ...



Pontos Cantados de Preto velhos

www.centropaijoaodeangola.com/pontos-cantados-de-preto-velho.php

PONTOS DE PRETO VELHO 1-PAI ANTÔNIO Dá licença Pai Antônio Que eu ... de Aruanda O brilho da estrela guia a benção de Oxalá Se o caminho é de paz, ...

Pai João de Angola

centropaijoaodeangola.com/altar-virtual.php

Quando algum texto for de autoria do Centro Pai João de angola, ... História de Vó Cambinda · Pai Serafim de Aruanda · Pontos Cantados · Página inicial ...

Guias e seus trabalhos

centropaijoaodeangola.com/guias-e-seus-trabalhos.php

A Linha do Oriente é regida por Pai Oxalá, irradiador da fé para a dimensão .... pai serafim de aruanda · Ervas dos orixás · Dicas de banhos de descarrego ...

Tia Maria de Minas.

centropaijoaodeangola.com/tia-maria-de-minas.php

Nossa grande Protetora, Bondosa preta-velha Tia Maria que ilumina os caminhos de aruanda. ... Em honra do sacratíssimo sangue de nosso Pai Oxalá.

Pai Antonio

centropaijoaodeangola.com/pai-antônio.php

Pai Antonio Espírito que se manifesta como um preto velho, Pai Antonio foi um escravo em uma de suas ... MEU SÃO MIGUEL QUE VEIO DE ARUANDA

Pai João de Angola

centropaijoaodeangola.com/altar-virtual-do-seu-zé-pilintra.php

CLIQUE EM UMA IMAGEM LATERAL PARA ACENDER UMA VELA !Quem é Zé Pilintra. Todavia, a principal história que seu Zé Pelintra quer escrever, é a da ...

conheça nosso blog

centropaijoaodeangola.com/conheça-nosso-blog.php

... oração a escrava anastacia · ORAÇÃO A PAI BENEDITO DE ARUANDA · Oração a Maria Bueno · Oração a Tia Maria de Minas · Oração ao caboclo 7 flexas ...

Vovó Benta

centropaijoaodeangola.com/vovó-benta.php

No final da noite, junta-se aos irmãos e volta para Aruanda, até que a próxima lua a traga novamente cantando: Vem chegando Vovó Benta Benzedeira de ...

Oração a Pai José de aruanda.

umbandapaijoaodeangola.com.br/oração-do-pai-josé-de-aruanda.php

ORAÇÃO DO PAI JOSÉ DE ARUANDA... Quando estava no cativeiro. "Meu Pai Olorum, mais uma vez me puseram no tronco. Amanheci acorrentado ...

Caboclo Boiadeiro

centropaijoaodeangola.com/caboclo-boiadeiro.php

Pai João de Angola · Ogum vencedor de Demanda · Fundamentos · Orações · Oxum · As .. ... Oração ao Caboclo Abençoado seja meu Caboclo de Aruanda.

Pai jerônimo

centropaijoaodeangola.com/pai-jeronimo.php

Pai Jeronimo Trabalho na linha de pretos velhos com esta maravilhosa entidade. Um certo dia, ele ... Mensagem do Pai Joaquim de Aruanda Sabe aquelas ...



Digite na caixa de pesquisa abaixo o que deseja encontrar no Site


Visite nosso Blog, click na imagem abaixo:

copyright© 2009-2017

Site desenvolvido por Centro Pai João de Angola- Todos os direitos Reservados.


Agradecemos sua visita Volte sempre....

Traduzir Esta Página

Endereço

Av. Dona Sofhia Rasgulaeff  177.
Jardim Alvorada/ Maringá /Paraná
Telefone:
(44) 3034-5827 (44) 99956-8463
Consultas Somente com Hora Marcada.
Atendimento: de Segunda a sexta-feira
Das 09:00 as 19:00 horas.
Não damos consultas:

 via whatsapp ou via E-mail.



Mapa google

"Que Ogum te Abençoe hoje e sempre".

PAI BENEDITO.mp3


Os textos apresentados na sua maioria foram retirados , da internet. Esse é um espaço onde colocamos diversos pensamentos e o nosso principal objetivo é a divulgação da nossa Umbanda. Quando algum texto for de autoria do Centro Pai João de angola, o responsável será indicado; da mesma forma que fazemos com outros autores que não têm vínculos com a nossa casa... Comunicado Importante: Este é um Site totalmente gratuito, sem fim comercial ou lucrativo. Algumas imagens e informações provêm de outros sites na internet. Caso você seja o detentor do Copyright de qualquer uma delas, e deseje que ela seja retirada, por favor, é só nos mandar uma mensagem citando o nome e a localização para sua remoção imediata. Não temos o objetivo de nos apropriar de informações alheias tomando-as como nossa, pelo contrário, sempre que possível, colocaremos o nome do autor abaixo do título para deixar bem claro que a intenção é de divulgar a Umbanda através de textos bem elaborados e esclarecedores. Saiba que o Centro Pai João de Angola está isento de qualquer responsabilidade.


Ao mestre com carinho

Oração a Pai João de Angola

Ogum

Oxum

Yansã

oracões

Xangô

Yemanjá

Oxossi

Oxalá

Oxumarê

Preto-velhos

Caboclos

Boaideiros na Umbanda

Baianos na Umbanda

Marinheiros

Pomba Gira

Maria Padilha

Oração de exu

Banhos de descarregos

Pontos Riscados de Exu

História de Rei Congo

Maria Redonda

Pontos Cantados diversos

Pontos Cantados Orixás

Galeria de Videos

Mensagem do Sr. Zé Pilintra

Pai José da Guiné

Exu Capa Preta

Exu 7 encruzilhadas

Exu Morcego

Mensagem de Pai joão de Angola

Histórias de Vovó Luiza

Atribuição dos Preto-velhos

Ogum Rompe Mato

Ogum Yara

A história de vovó Benedito

Oferenda de Oxum

Oferenda a Xangô

Oferenda de Ogum

Oferenda de oxossi

A Mediunidade, os orixás e os caboclos

Orações Diversas

Os filhos de Omulu

Mensagens de Natal

Porque os exus riem

Cigano Pablo

Cigana Esmeralda

Mensagem de Ogum

Altar virtual

Altar Virtual dos Orixás

Altar dos Preto-velhos

Altar de Nossa Senhora

Altar de ogum

Altar de Oxum

Altar de Exu

Videos de preto-velhos

Descubra o seu Orixá

Livro de Visitas

Livro de Visitas 2

10 erros cometidos por médiuns

A tristeza dos Orixás

Altar na umbanda

Amor palavra de ordem na gira

As falanges de trabalhos na umbanda

Assistência

Atitudes interiores

Bandeira branca de Oxalá

Cantos e palmas num terreiro

Como acontece a gira

Como ler ouvir observar e saber se aquilo é certo

Conduta Moral

Conduta no terreiro de umbanda

Conflitos

Conflitos Familiares

Cores e a umbanda

Cumprimentos e posturas

De olho Fechados

Deus não te Fez para sofrer

Deus salve a Umbanda

O dia de Finados na Umbanda

ELEMENTOS DO TERREIRO DA UMBANDA

Entendendo a inveja

ESPIRITUALIDADE E CONSCIÊNCIA

Expressões usadas na Umbanda

Exu não é fofoqueiro

Exu não é o diabo

Falta de doutrina e comprometimento

Faz caridade fio

Faz o bem sem ver a quem

Fumos e Bebidas

Fundamentação doutrinátoria

Guias e Colares

Hierarquia na Casa de Umbanda.

Humildade

Jogaram uma carga pesada pra cima de mim

Linha de Esquerda: "Exu e ´Pomba-Gira"

Mediunidade na Umbanda

Mediunidade, um passo de cada vez

Mensagem de Caboclo 7 Flexas

MIRONGA DE PRETO VELHO

NÃO ABANDONES O TEU POSTO DE SERVIÇO

Normas dos terreiros

Nossos Umbigos

O maior inimigo da Umbanda

O pequeno universo do umbandista

O Perdão Não tem Contra-indicação

O templo que vos acolhe

OBRIGAÇÕES NA UMBANDA

Obrigado, vovô

Oração do umbandista

Orixá de Cabeça

Os Caboclos na Lição de Pai João

Os médiuns são Parceiros

Os Orixás se Manifestam em Nós e Através de Nós!

Os perigos e conseqüências da mediunidade mal orientada

Página inicial textos de Umbanda

Clique aqui.


Deste Site

Pai João de Angola
  • Ogum vencedor de Demanda
  • Fundamentos
  • Orações
  • Oxum
  • As pombas giras
  • Maria Padilha
  • Comida de Santo
  • Cosme e Damião
  • Giras de Umbanda
  • Homenagem a Zé Pilintra
  • Xangô senhor da Justiça
  • Yemanjá
  • banho de descarrego
  • Simpatias Diversas
  • Guias Contas e colares
  • Defumações
  • Batismo na Umbanda
  • Conselhos de Preto velhos
  • Escrava Anastácia
  • Marinheros na Umbanda
  • Pai Benedito
  • Homenagem a Tranca Rua
  • Baiano zé do Coco
  • Obá
  • Descarrego de Polvora
  • Ciganos na Umbanda
  • Sara Kali
  • Oxossi
  • Oxumarê
  • Preto-velho na Umbanda
  • Cabocla Jurema
  • Omulu-Obaluaie
  • Altar Virtual
  • Mãe Maria Conga
  • Boiadeiros na Umbanda
  • Descubra seu Orixá
  • Altar Virtual de exu
  • Altar Virtual dos Orixás
  • batizando-na-umbanda
  • Ossãim
  • O que è Caridade
  • Ogum em video
  • Caboclo boiadeiro
  • Ser Médium
  • Pontos e videos de defumação
  • Caboclos na Umbanda
  • Como acontece a Gira
  • reflexão em Videos
  • Conduta moral
  • Anjo da Quarda
  • Curiosidades
  • Intolerância Religiosa
  • Mediunidade
  • Corrente mediunica
  • Orações 2
  • tronqueira
  • Mensagens em slaides
  • Casamento na Umbanda
  • pontos cantados 2
  • Oxalá
  • Sincretismo religioso
  • Caracteristicas dos filhos
  • Altar dos Preto-velhos
  • Exu
  • Umbanda
  • Quimbanda
  • Orações das almas
  • hierarquia na umbanda
  • Livre se da Depressão
  • Reflexões
  • 7 chaves da Felicidade
  • Mensagens Espiritas
  • Tia maria de Minas
  • Minutos de sabedoria
  • Exus e pombas Giras
  • Mensagens de Otimismo e Fé
  • Convite aos Umbandistas
  • 13 de Maio
  • Combatendo o alcoolismo
  • Recomeçar de Novo
  • Superando as Percas
  • Perdoar a si mesmo
  • Decepções
  • Conceito Básico
  • Zumbi dos Palmares
  • Maria Bueno
  • Mini Série Oxum
  • Reconciliação
  • indiferença
  • desencarnar
  • Pontos Mp3 Orixás
  • O Médico dos médicos
  • Livro de Visitas
  • Corrente de Orações
  • Mensagem de Tranca-Rua
  • Conflitos Familiares
  • Amor e Ódio
  • Exu tiriri
  • Um abraço fraterno
  • Prece Aos Caboclos
  • O que Falta na umbanda
  • Mensagem de Vovó Maria Conga
  • Lições de sabedoria
  • Ajudar faz Bem
  • A umbanda que eu amo
  • Preto-velho x Exu
  • Frustrações
  • Batendo cabeça
  • Aprenda a Dizer Não
  • Insatisfação com a Vida
  • Oferenda de Marinheiro
  • Conselhos aos casais
  • Vovó Benta
  • Pai Cipliano
  • O Uso das velas
  • O luxo na Umbanda
  • Salmos Recomendados
  • Yansã
  • Pontos Riscados
  • Como combater a Inveja
  • Nanã de Buroque
  • Pai Guiné
  • Pai Tomé
  • Pai Antônio
  • Prece aos Orixás
  • Altar de Nossa senhora
  • Altar Virtual de Ogum
  • Altar Virtual de Oxum
  • Livro de Visitas 2
  • Ao mestre com carinho
  • Sabedoria de preto-velho
  • Fofocas no terreiro
  • Histórias de Preto velho
  • Aos médiuns da corrente
  • Orixá logum edê
  • História de Vó Cambinda
  • Pai Serafim de Aruanda
  • Pontos Cantados
  • Página inicial
  • descubra seu orixá
  • Assuntos Diversos
  • Oferendas de Exu
  • Oferendas para os Orixás
  • Pomba Gira Cigana
  • Oferendas a Yansã
  • Exu do lodo
  • EXU TATÁ CAVEIRA
  • Povo da Rua
  • Exu serpente
  • Exu Mangueira
  • Oração a Exu chama dinheiro
  • Exu Veludo
  • Oferenda para os preto-velhos
  • Oferenda de Boiadeiros
  • Oferenda ao Caboclo boiadeiro
  • Oferendas Básicas Umbandistas
  • banhos de abertura de caminho
  • Benzimentos
  • Caixa de Pesquisa do site
  • DICIONARIO DE UMBANDA
  • pai-Jeronimo
  • Religiões linhas sagradas
  • oferenda-de-ogum
  • Oferenda de Iemanjá
  • Ogum beira mar
  • Vovo Antonieta da Bahia
  • BARÁ
  • As águas de oxalá
  • Banhos Ciganos
  • Em sintonia com Deus
  • Lendas de Omulu
  • Lendas de Omulu
  • Caboclo pedra Roxa
  • Mensagem de Caboclos
  • Seu Zé Pilintra
  • Oferendas umbanda
  • Padê de Exu
  • Oração a Marinheiros na umbanda
  • Tudo sobre os filhos de Oxossi
  • Encruzilhadas de Ruas
  • Banhos de ervas
  • Lendas de Oxum
  • Prece a Zé Pilantra
  • Oração a santa Sara Kalli
  • Banho de defesa espiritual
  • Nossa Senhora da Conceição
  • Médium e guia
  • Características dos filhos de Ogum
  • Características dos Filhos de Oxum
  • Características dos filhos de Oxalá
  • Características dos filhos de Yansã
  • Características dos filhos de Omulu
  • Ervas e Orixás
  • Características dos filhos de Obá
  • Características dos filhos de Iemanjá
  • Características dos filhos de Oxumaré
  • Características dos filhos de Ossain
  • Características dos Filhos de Ibejis
  • Pai Serafim de Aruanda

    centropaijoaodeangola.com/pai-serafim-de-aruanda.php

    Pai Serafim de Aruanda... O Mensageiro de Ifá. Serafim nasceu em Senzala Carioca, no ano de 1673. Seus pais eram escravos convertidos ao catolicismo e por isso ele recebeu o nome de "Serafim" - o Mensageiro do Senhor. Ele foi uma criança travessa, mas obediente, que aprendeu desde cedo o catecismo. Mas, algo ...

    Pai Benedito

    centropaijoaodeangola.com/pai-benedito.php

    Salve a corrente Sagrada de Preto-velho Salve Pai Benedito de Aruanda Centro Pai joão de Angola, localizado em Maringá Parana, Pai João de angola.pai joao, ... Pai Julião, Vovô Jurandir, Pai Malaquias, Pai Mané, Pai Miguel D'Arruda, Pai Roberto, Pai Serafim, Pai Serapião, Pai Severino, Pai Tomaz, Pai Tomé, Pai Zé.

    Pai João de Angola

    centropaijoaodeangola.com/

    E lá vem o Pai João sem pressa em sua incorporação. Na chegada com o seu corpo encurvado e bengala na mão faz o sinal da cruz, E diz : “Louvado seja Nosso senhor Jesus Cristo, louvado seja a santíssima virgem Maria, Deus salve essa casa Santa , os ausentes e os presentes, salve as almas santas e benditas.

    Histórias de preto-velhos

    centropaijoaodeangola.com/histórias-de-preto-velho.php

    centropaijoaodeangola.com/pai-serafim-de-aruanda.php. Foi nesse meio que Serafim encontrou sua história e reconstruiu sua vida. ... abriu os olhos espirituais, passando a cumprir uma nova missão: a de Pai Velho. ... a caridade, deixando assim que seu Pai Preto também lhe traga lições para seu ... Preto velho X Exu.

    corrente de orações

    centropaijoaodeangola.com/corrente-de-orações.php

    centropaijoaodeangola.com/tia-maria-de-minas.php. Orações Diversas ... de Preto velho · Aos médiuns da corrente · Orixá logum edê · História de Vó Cambinda · Pai Serafim de Aruanda · Pontos Cantados ... Batismo na Umbanda. centropaijoaodeangola.com/batismo-na-umbanda.php ... auxiliando o Guia ou a corrente, ...

    Amacis

    centropaijoaodeangola.com/amacis.php

    Serve para os banhos de amacis, para cozinhar, para lavar as guias, para descarregar os maus fluídos, para o batismo. Dependendo de sua procedência .. . Centro Pai João de Angola/Maringá Pr. centropaijoaodeangola.com/banhos/ banhos-diversos.php. História de Vó Cambinda · Pai Serafim de Aruanda · Pontos ...

    Caridade no lar

    centropaijoaodeangola.com/caridade-no-lar.php

    A Força das pomba-giras · banhos-ritualísticos-na-umbanda · Amuletos e talismãs · Caridade no lar · ASSISTÊNCIA · Orixá logum edê · História de Vó Cambinda · pai serafim de aruanda · Ervas dos orixás · Dicas de banhos de descarrego · Prece de alguém que sofre · Oferendas de xangô · Pontos Riscados na Umbanda.

    Pai João de Angola

    centropaijoaodeangola.com/altar-virtual-de-xango.php

    ... Altar de Nossa senhora · Altar Virtual de Ogum · Altar Virtual de Oxum · Livro de Visitas 2 · Ao mestre com carinho · Sabedoria de preto-velho · Fofocas no terreiro · Histórias de Preto velho · Aos médiuns da corrente · Orixá logum edê · História de Vó Cambinda · Pai Serafim de Aruanda · Pontos Cantados · Página inicial ...

    Pontos Riscados

    centropaijoaodeangola.com/pontos-riscados.php

    Quando algum texto for de autoria do Centro Pai João de angola, o responsável será indicado; da mesma forma que fazemos com outros autores que não têm vínculos com a nossa casa... Comunicado Importante: Este é um Site totalmente gratuito, sem fim comercial ou lucrativo. Algumas imagens e inf

    Pai João de Angola

    centropaijoaodeangola.com/altar-virtual-maria-padilha.php

    ... de Angola · oração a escrava anastacia · ORAÇÃO A PAI BENEDITO DE ARUANDA .... História de Vó Cambinda · Pai Serafim de Aruanda · Pontos Cantados ...

    Oferendas de Oxum

    centropaijoaodeangola.com/oferendas-de-oxum.php

    Segue os passos do pai, marido de muitas esposas, das quais as prediletas são .... pai serafim de aruanda · Ervas dos orixás · Dicas de banhos de descarrego ...

    Altar Virtual

    umbandapaijoaodeangola.com.br/altar-virtual.php

    Oração a Pai João de Angola .... História de Vó Cambinda · Pai Serafim de Aruanda · Pontos Cantados · Página inicial · descubra seu orixá · Assuntos Diversos ...

    Pai cipriano

    centropaijoaodeangola.com/pai-cipliano.php

    Pai cipriano Com Cipriano aprendi a perdoar me contou a sua historia e muito me fez chorar como sofreu o velho no cativeiro tanto dor e desespero no horror ...

    Pontos Cantados mp3 Orixás

    centropaijoaodeangola.com/pontos-mp3-orixás.php

    Quando algum texto for de autoria do Centro Pai João de angola, o responsável será .... História de Vó Cambinda · Pai Serafim de Aruanda · Pontos Cantados ...

    Oferendas para os Orixás

    centropaijoaodeangola.com/oferendas-para-os-orixás.php

    Pai João de Angola .... ASSISTÊNCIA · Orixá logum edê · História de Vó Cambinda · pai serafim de aruanda · Ervas dos orixás · Dicas de banhos de descarrego ...

    jogo de búzios

    centropaijoaodeangola.com/jogo-de-búzios.php

    Quando algum texto for de autoria do Centro Pai João de angola, .... pai serafim de aruanda · Ervas dos orixás · Dicas de banhos de descarrego · Prece de ...

    Farofas de Zé Pilintra

    centropaijoaodeangola.com/farofas-de-zé-pilintra.php

    Salve Deus, Pai Criador de todo o Universo, Salve Oxalá, força divina do amor, ... e o coração, abrasando-nos nas chamas do vosso amor por nosso Pai Oxalá. .... pai serafim de aruanda · Ervas dos orixás · Dicas de banhos de descarrego ...

    As oferendas de caboclo

    centropaijoaodeangola.com/oferendas-de-caboclos.php

    gira umbanda, umbanda caboclos, oxum, pombagira, yemanjá, pai de santo, . .... pai serafim de aruanda · Ervas dos orixás · Dicas de banhos de descarrego ...

    Quem é Ogum

    centropaijoaodeangola.com/quem-é-ogum.php

    Amém. Oração para Ogum Ogum, meu Pai - Vencedor de demanda, Poderoso .... pai serafim de aruanda · Ervas dos orixás · Dicas de banhos de descarrego ...