lendas de exu

Lendas de Exu

Exu vinga-se e exige o privilégio das primeiras homenagens

Exu era o irmão mais novo de Ogum, Odé e outros orixás.Era tão turbulento criava tanta confusão que um dia o rei já não suportando sua malfazeja índole, resolveu castigá-lo com severidade. Para impedir que fosse aprisionado, os irmãos o aconselharam a deixar o país. Mas enquanto Exu estava no exílio, seus irmãos continuavam a receber festa e louvações. Exu não era mais lembrado, ninguém tinha notícias de seu paradeiro. Então, usando mil disfarces, Exu visitava seu país, rondando, nos dias de festa, as portas dos velhos santuários.

Mas ninguém o reconhecia assim disfarçado e nenhum alimento lhe era ofertado. Vingou-se ele, semeando sobre o reino toda a sorte de desassossego, desgraça e confusão.Assim o rei decidiu proibir todas as atividades religiosas, até que descobrissem as causas desses males. Então os babalorixás reuniram-se em comitiva e foram consultar um babalaô que residia nas portas da cidade. O babalaô jogou os búzios e Exu foi quem falou no jogo. Disse nos odus que tinha sido esquecido por todos. Que exigia receber sacrifícios antes do demais e que fossem para ele os primeiros cânticos cerimoniais. O babalaô jogou os búzios e disse que oferecessem um bode e sete galos a Exu.

Os babalorixás caçoaram do babalaô, não deram a menor importância às suas recomendações e ficaram por ali sentados, cantando e rindo dele. Quando quiseram levantar-se para ir embora, estavam grudados nas cadeiras. Sim era mais uma das ofensas de Exu!

O babalaô então pôs a mão no ombro de cada um e todos puderam levantar-se livremente. Disse a eles que fizessem como fazia ele próprio: que o primeiro sacrifício fosse para acalmar Exu. Assim convencidos, foi o que fizeram os pais e mães-de-santo, naquele dia e sempre desde então.

Lenda tirada do livro

Mitologia dos Orixás - Reginaldo Prandi - 2001

Exu atrapalha-se com as palavras

No começo dos tempos estava tudo em formação, lentamente os modos de vida na Terra forma sendo organizados, mas havia muito a ser feito.

Toda vez que Orunmilá vinha do Orum para ver as coisas do Aiê, era interrogado pelos orixás, humanos e animais, ainda não fora determinado qual o lugar para cada criatura e Orunmilá ocupou-se dessa tarefa.

Exu propôs que todos os problemas fossem resolvidos ordenadamente, ele sugeriu a Orunmilá que a todo orixá, humano e criatura da floresta fosse apresentada uma questão simples para a qual eles deveriam dar resposta direta, anatureza da resposta individual de cada um determinaria seu destino e seu modo de viver, Orunmilá aceitou a sugestão de Exu.


E assim, de acordo com as respostas que as criaturas davam, elas recebiam um modo de vida de Orunmilá, uma missão, enquanto isso acontecia, Exu, travesso que era, pensava em como poderia confundir Orunmilá.

Orunmilá perguntou a um homem: "Escolhes viver dentro ou fora?". "Dentro", o homem respondeu, e Orunmilá decretou que doravante todos os humanos viveriam em casas.

De repente, Orunmilá se dirigiu a Exu: "E tu, Exu? Dentro ou fora?". Exu levou um susto ao ser chamado repentinamente, ocupado que estava em pensar sobre como passar a perna em Orunmilá, e rápido respondeu: "Ora! Fora, é claro", mas logo se corrigiu: "Não, pelo contrário, dentro", Orunmilá entendeu que Exu estava querendo criar confusão, falou pois que agiria conforme a primeira resposta de Exu, disse: "Doravante vais viver fora e não dentro de casa".

E assim tem sido desde então, Exu vive a céu aberto, na passagem, ou na trilha, ou nos campos, diferentemente das imagens dos outros orixás, que são mantidas dentro das casas e dos templos, toda vez que os humanos fazem uma imagem de Exu ela é mantida fora.

Lenda tirada do livro

Mitologia dos Orixás - Reginaldo Prandi - 2001

Exu leva aos homens o oráculo de Ifá

Em épocas remotas os deuses passaram fome. Às vezes, por longos períodos, eles não recebiam bastante comida de seus filhos que viviam na Terra.Os deuses cada vez mais se indispunham uns com os outros e lutavam entre si guerras assombrosas. Os descendentes dos deuses não pensavam mais neles e os deuses se perguntavam o que poderiam fazer. Como ser novamente alimentados pelos homens ? Os homens não faziam mais oferendas e os deuses tinham fome. Sem a proteção dos deuses, a desgraça tinha se abatido sobre a Terra e os homens viviam doentes, pobres, infelizes.

Um dia Exu pegou a estrada e foi em busca de solução. Exu foi até Iemanjá em busca de algo que pudesse recuperar a boa vontade dos homens. Iemanjá lhe disse: "Nada conseguirás. Xapanã já tentou afligir os homens com doenças, mas eles não vieram lhe oferecer sacrifícios".Iemanjá disse: "Exu matará todos os homens, mas eles não lhe darão o que comer. Xangô já lançou muitos raios e já matou muitos homens, mas eles nem se preocupam com ele. Então é melhor que procures solução em outra direção. Os homens não tem medo de morrer. Em vez de ameaçá-los com a morte, mostra a eles alguma coisa que seja tão boa que eles sintam vontade de tê-la. E que, para tanto, desejem continuar vivos".

Exu retornou o seu caminho e foi procurar Orungã. Orungã lhe disse: "Eu sei por que vieste. Os dezesseis deuses tem fome. É preciso dar aos homens alguma coisa de que eles gostem, alguma coisa que os satisfaça.. Eu conheço algo que pode fazer isso. É uma grande coisa que é feita com dezesseis caroços de dendê. Arranja os cocos da palmeira e entenda seu significado. Assim poderás conquistar os homens".

Exu foi ao local onde havia palmeiras e conseguiu ganhar dos macacos dezesseis cocos. Exu pensou e pensou, mas não atinava no que fazer com eles. Os macacos então lhe disseram: "Exu, não sabes o que fazer com os dezesseis cocos de palmeira? Vai andando pelo mundo e em cada lugar pergunta o que significam esses cocos de palmeira. Deves ir a dezesseis lugares para saber o que significam esses cocos de palmeira. Em cada um desses lugares recolheras dezesseis odus. Recolherás dezesseis histórias, dezesseis oráculos. Cada história tem a sua sabedorias, conselhos que podem ajudar os homens. Vai juntando os odus e ao final de um ano terás aprendido o suficiente. Aprenderás dezesseis vezes dezesseis odus. Então volta para onde moram os deuses. Ensina aos homens o que terás aprendido e os homens irão cuidar de Exu de novo".

Exu fez o que lhe foi dito e retornou ao Orun, o Céu dos Orixás. Exu mostrou aos deuses os odus que havia aprendido e os deuses disseram: "Isso é muito bom".Os deuses, então, ensinaram o novo saber aos seus descendentes, os homens. Os homens então puderam saber todos os dias os desígnios dos deuses e os acontecimentos do porvir. Quando jogavam os dezesseis cocos de dendê e interpretavam o odu que eles indicavam, sabiam da grande quantidade de mal que havia no futuro. Eles aprenderam a fazer sacrifícios aos Orixás para afastar os males que os ameaçavam. Eles recomeçavam a sacrificar animais e a cozinhar suas carnes para os deuses. Os Orixás estavam satisfeitos e felizes. Foi assim que Exu trouxe aos homens o Ifá.

Lenda tiradas do livro

Mitologia dos Orixás - Reginaldo Prandi - 2001

LENDAS:

(1) Exu foi o primeiro filho de Iemanjá e Oxalá. Ele era muito levado e gostava de fazer brincadeiras com todo mundo.Tantas fez que foi expulso de casa. Saiu vagando pelo mundo, e então o país ficou na miséria, assolado por secas e epidemias. O povo consultou Ifá, que respondeu que Exu estava zangado porque ninguém se lembrava dele nas festas; e ensinou que,para qualquer ritual dar certo, seria preciso oferecer primeiro um agrado a Exu. Desde então, Exu recebe oferendas antes de todos, mas tem que obedecer aos outros Orixás, para não voltar a fazer tolices.

(2) Certa vez, dois vizinhos muito amigos esqueceram de fazer as oferendas devidas a Exu antes de começar a semana de trabaho. Zangado, Exu resolveu se vingar. Pôs na cabeça um gorro que era vermelho de um lado e branco do outro.Em seguida, passou calmamente pelo caminho que dividia as terras dos dois vizinhos, cumprimentando-os amavelmente. Quando ele se afastou, um dos vizinhos perguntou ao outro: "- Quem será este senhor de gorro branco?"E o outro falou: "- Não, o gorro era vermelho!"E ficaram discutindo se o gorro era vermelho ou branco, até que se pegaram e brigaram até se matar.

(3) Um homem rico tinha uma grande criação de galinhas. Certa vez, chamou um pintinho muito travêsso de Exu, acrescentando vários xingamentos. Para se vingar, Exu fez com que o pinto se tornasse muito violento. Depois que se tornou galo, ele não deixava nenhum outro macho sossegado no galinheiro: feria e matava todos os que o senhor comprava. Com o tempo, o senhor foi perdendo a criação e ficou pobre. Então, perguntou a um babalaô o que estava acontecendo. O sacerdote explicou que era uma vingança de Exu e que ele precisaria fazer um ebó pedindo perdão ao Orixá. Amedrontado, o senhor fez a oferenda necessária e o galo se tornou calmo, permitindo que ele recuperasse a produção.

(4) Certa vez, dois amigos de infância, que jamais discutiam, esqueceram-se, numa segunda-feira, de fazer-Ihe as oferendas devidas para Exu. Foram para o campo trabalhar, cada um na sua roça. As terras eram vizinhas, separadas apenas por um estreito canteiro. Exú, zangado pela negligência dos dois amigos, decidiu preparar-Ihes um golpe à sua maneira. Ele colocou sobre a cabega um boné pontudo que era branco do lado direito e vermelho do lado esquerdo. Depois, seguiu o canteiro, chegando à altura dos dois trabalhadores amigos e, muito educadamente, cumprimentou-os:


“ Bom trabalho, meus amigos!"

Estes, gentilmente, responderam-Ihe:

"Bom passeio, nobre estrangeiro!"

Assim que Exú afastou-se, o homem que trabalhava no campo à direita, falou para o seu companheiro:

“ Quem pode ser este personagem de boné branco?"

"Seu chapéu era vermelho", respondeu o homem do campo a esquerda.

"Não, ele era branco, de um branco de alabastro, o mais belo branco que existe!"

"Ele era vermelho, um vermelho escarlate, de fulgor insustentável!"

"Ele era branco, tratar-me de mentiroso?"

"Ele era vermelho, ou pensas que sou cego?"

Cada um dos amigos tinha razão e ambos estavam furioso da desconfiança do outro. Irritados, eles agarraram-se e começaram a bater-se até matarem-se a golpes de enxada. Exú estava vingado! Isto não teria acontecido se as oferendas a Exú não tivessem sido negligênciadas. Pois Exu pode ser o mais benevolente dos orixás se é tratado com consideração e generosidade.

(5) Há uma maneira hábil de obter um favor de Exú. É preparar-Ihe um golpe mais astuto que aqueles que ele mesmo prepara. Abaixo uma lenda onde se explica isso. Conta-se que Aluman estava desesperado com uma grande seca. Seus campos estavam secos e a chuva não caia. As rãs choravam de tanta sede e os rios estavam cobertos de folhas mortas, caidas das árvores. Nenhum orixá invocado escutou suas queixas e gemidos. Aluman decidiu, então, oferecer a Exú grandes pedaços de carne de bode. Exú comeu com apetite desta excelente oferenda. Só que Aluman havia temperado a carne com um molho muito apimentado. Exú teve sede. Uma sede tão grande que toda a água de todas as jarras que ele tinha em casa, e que tinham, em suas casas, os vizinhos, não foi suficiente para matar sua sede! Exú foi á torneira da chuva e abriu-a sem pena. A chuva caiu. Ela caiu de dia, ela caiu de noite. Ela caiu no dia seguinte e no dia depois, sem parar. Os campos de Aluman tornaram-se verdes. Todos os vizinhos de Aluman cantaram sua glória:

"Joro, jara, joro Aluman, Dono dos dendezeiros, cujos cachos são abundantes; Joro, jara, joro Aluman, Dono dos campos de milho, cujas espigas são pesadas! Joro, jara, joro Aluman, Dono dos campos de feijão, inhame e mandioca! Joro, jara, joro Aluman!"

E as rãzinhas gargarejavam e coaxavam, e o rio corria velozmente para não transbordar! Aluman, reconhecido, ofereceu a Exú carne de bode com o tempero no ponto certo da pimenta. Havia chovido bastante. Mais, seria desastroso! Pois, em todas as coisa, o demais é inimigo do bom.

(6) Exu, filho primogênito de Iemanjá com Orunmilá, o deus da adivinhação, é irmão de Ogum, Xangô e Oxóssi. Ele é o deus da comunicação, do dinamismo, muito querido entre os iorubás. Exu era voraz e insaciável. Conseguiu comer todos animais da aldeia em que vivia. Depois disso, passou a comer as árvores, os pastos, tudo que via até Chegar ao mar. Orunmilá previu então que Exu não pararia e acabaria comendo os homens, e tudo que visse pela frente, chegando mesmo a comer o céu. Ordenou então a Ogum que contivesse o irmão Exu a qualquer custo. Para conseguir isto, Ogum foi obrigado a matar Exu, a fim de preservar a terra criada e os seres humanos. Mas esmo depois da morte de Exu, a natureza, os pastos, as árvores, os rios, tudo permaneceu ressecado e sem vida, doente, morrendo. Um babalaô (representante de Orunmilá na terra) alertou Orunmilá de que o espírito de Exu sentia fome e desejava ser atendido, ameaçando provocar a discórdia entre os povos como vingança pelo que Orunmilá e Ogum haviam feito. Orunmilá determinou então que em toda e qualquer oferenda que fosse feita pelos homens a um orixá, houvesse uma parte em homenagem a Exu, e que esta parte seria anterior a qualquer outra, para que se mantivesse sempre satisfeito e assim possibilitasse a concórdia.

(7) Uma mulher que esqueceu de alimentar exú. Se encontra no mercado vendendo os seus produtos. Exú põe fogo na sua casa, ela corre prá lá, abandonando seu negócio. A mulher chega tarde, a casa está queimada e, durante esse tempo, um ladrão levou suas mercadorias. Nada disso teria acontecido - se tivesse feito a exú as oferendas e os sacrifícios usuais ou em primeiro lugar.

(8) Um dia, oxalá cansado de ser zombado e trapaceado por exú, pois oxalá era muito orgulhoso e geralmente não agradava exú por ser um orixá mais velho. Decidiu combater exú para ver quem era o orixá mais forte e respeitado. E foi aí que oxalá provou a sua superioridade, pois durante o combate, oxalá apoderou-se da cabaça de bará a qual continha o seu poder mágico, transformando-o assim em seu servo. Foi desde então que oxalá permitiu que exú recebesse todas as oferendas e sacrifícios em primeiro lugar...

(9) Exu foi o primeiro filho de Iemanjá e Oxalá. Ele era muito levado e gostava de fazer brincadeiras com todo mundo.Tantas fez que foi expulso de casa. Saiu vagando pelo mundo, e então o país ficou na miséria, assolado por secas e epidemias. O povo consultou Ifá, que respondeu que Exu estava zangado porque ninguém se lembrava dele nas festas; e ensinou que,para qualquer ritual dar certo, seria preciso oferecer primeiro um agrado a Exu. Desde então, Exu recebe oferendas antes de todos, mas tem que obedecer aos outros Orixás, para não voltar a fazer tolices.

(10) Um homem rico tinha uma grande criação de galinhas. Certa vez, chamou um pintinho muito travêsso de Exu, acrescentando vários xingamentos. Para se vingar, Exu fez com que o pinto se tornasse muito violento. Depois que se tornou galo, ele não deixava nenhum outro macho sossegado no galinheiro: feria e matava todos os que o senhor comprava. Com o tempo, o senhor foi perdendo a criação e ficou pobre. Então, perguntou a um babalaô o que estava acontecendo. O sacerdote explicou que era uma vingança de Exu e que ele precisaria fazer um ebó pedindo perdão ao Orixá. Amedrontado, o senhor fez a oferenda necessária e o galo se tornou calmo, permitindo que ele recuperasse a produção.

 

TRONQUEIRA

centropaijoaodeangola.com/tronqueira.php

Laro-yê Exú! Autor : Jorge Scritori. Lendas de Exu. Exu vinga-se e exige o privilégio das primeiras homenagens. Exu era o irmão mais novo de Ogum, Odé e outros orixás.Era tão turbulento criava tanta confusão que um dia o rei já não suportando sua malfazeja índole, resolveu castigá-lo com severidade. Para impedir que ...

Exu Morcego

umbandapaijoaodeangola.com.br/exu-morcego.php

Passar no ambiente ou na pessoa que precisa ser limpa invocando o Exu Morcego e sua falange. Não oferecer cachaça se tiver parente alcoólatra falecido, oferecer vodca ou gim com pó de cominho para o Exu (o cominho transforma a energia). Arriar embaixo de uma árvore de preferência uma amendoeira. Pontos de ...

Oração a Exu Chama Dinheiro

centropaijoaodeangola.com/oração-a-exu-chama-dinheiro.php

ORAÇÃO A EXU CHAMA DINHEIRO Glorioso Exu CHAMA DINHEIRO fiel protetor do povo e mensageiro da nossa amada UMBANDA; Peço a tua ajuda para interceder por mim junto a pai OXALÁ - FAZER O PEDIDO - dai - me a força para superar as adversidades materiais em todos os momentos de minha jornada.

Exu do lodo

centropaijoaodeangola.com/exu-do-lodo.php

Pontos Cantado de Exú do Lodo Na praia deserta eu vi Exu Então o meu corpo tremeu todo. (bis) Acendi minha vela o meu charuto Arrie minha marafo Saravei Exu do Lodo (bis) Lenda de Exú do Lodo Diz a lenda, que uma vez estabelecida a Kimbanda, Exú Rei e sua esposa, decidiram andar pelo mundo para verificar o  ...

Oferenda de Marinheiros

centropaijoaodeangola.com/oferenda-de-marinheiro.php

Oferenda de Marinheiros Os Marinheiros, grupo de Espíritos que trabalham na Umbanda em prol da caridade. Eles conheceram muito bem o mar e a navegação, pois participaram da descoberta de novos mundos através das viagens que empreenderam que duraram anos e anos. As Entidade de Marinheiro trabalham na ...

Maria Padilha.

centropaijoaodeangola.com/maria-padilha.php

2x As moças, chamadas assim de forma carinhosa por todos nós os filhos de Umbanda, se manifestam nas Giras de Exú; pois são elas a companheiras dos compadres (Exús masculinos). Gostam de dançar, na maioria das vezes usam roupas coloridas, extravagantes, em tons de vermelho e preto, fumam cigarros longos ...

Exu Veludo

centropaijoaodeangola.com/exu-veludo.php

Exu Veludo O Exu Veludo na Umbanda Um espírito ligado ao desenlace carnal, a morte, a limpeza, a proteção de locais. O veludo é um símbolo de posição elevada, de status, prosperidade. A maioria dos médiuns que incorporam este senhor e os médiuns que entram em contato com ele o visualizam vestindo tecidos de ...

Pontos Riscados de Exu

umbandapaijoaodeangola.com.br/pontos-riscados-exu.php

PONTO RISCADO DE EXU O ponto riscado possui grande significado e valor mágico no culto de Umbanda. É através do ponto riscado que os guias contam toda sua história, sua origem e passagem do mundo material e astral. O ponto riscado é um emblema-símbolo. Os símbolos são sinais expressos de forma que dão ...

Bará

centropaijoaodeangola.com/bará.php

Os Barás cultuados no Batuque do Rio Grande do Sul são: BARÁ LODÊ: Exu Lodê tem seu assentamento feito do lado de fora do templo. Divide sua morada com ... Oferenda de Iemanjá · Ogum beira mar · Vovo Antonieta da Bahia · BARÁ · As águas de oxalá · Banhos Ciganos · Em sintonia com Deus · Lendas de Omulu .

Exu das 7 Encruzilhada

umbandapaijoaodeangola.com.br/exu-das-sete-encruzilhadas.php

Oferenda ao Exu das Sete Encruzilhadas para abrir caminhos e vitórias Fazer uma farofa de dendê com cebola picada louro moído, colocar por cima bifes de fígado de boi bem passados no dendê com pimenta do reino e um alho roxo picado (O alho afasta parasitas e vampiros astrais que se atraem pelo sangue animal), ...

Pai João de Angola

centropaijoaodeangola.com/

exu O Mensageiro dos Orixás Exú é sem dúvidas a figura mais controvertida dos cultos afro-brasileiros e também a mais conhecida e comentada. Há antes de ... Orixá LOGUN-EDÉ. centropaijoaodeangola.com/orixá-logum-edê.php. Orixá LOGUN-EDÉ Logun-Edé, chamado geralmente apenas de Logun, é o ponto de ...

As Pombas-Giras

centropaijoaodeangola.com/as-pombas-giras.php

Existe uma falha por parte dos umbandistas que muitas vezes não explicam que Exus e pombas-gira são cobradores do Karma, ou seja estão ligados ao ... com as lendas), Ogum é o responsável pelo desbravamento, pelo desmatar e o criar de novos caminhos, pela expansão imperialista do reino, enquanto Exú é o ...

Guias contas e colares

centropaijoaodeangola.com/guias-contas-e-colares.php

centropaijoaodeangola.com/artigos-de-umbanda.php. Imagens, Velas, Defumadores,guias, paramentos dos orixás de exú a oxalá, ferramentas, atabaques, incensos, defumadores, ... Guias, Contas e colares. Curiosidades. centropaijoaodeangola.com/curiosidades.php. Serve tanto para proteger a coroa do médium conta ...

Caboclo Boiadeiro

centropaijoaodeangola.com/caboclo-boiadeiro.php

Iemanjá é considerada, a mãe de todas as cabeças, na mitologia Yorubá é a mãe de diversos Orixás, como Oxossi, Ogum e Exu. No Brasil, foi a ela atribuido o reino dos mares, pois segundo a lenda era ela quem protegia os negros escravos vindos da África, nos navios negreiros. Conhecida também como Janaína, Inaê, ...

Características dos Filhos de Orixás

centropaijoaodeangola.com/caracteristicas-dos-filhos.php

Compartilham com Exu o gosto pelas festas e conversas que não acabam e gostam de brigas. Se não fizerem a sua própria briga, ... Características dos filhos de Oxumaré Seus filhos, assim como conta a lenda de Oxumarê, em sua maioria no início passam por muitas dificuldades, quase ... Características dos Filhos de ...

Lendas de Yansã Oyá

centropaijoaodeangola.com/lendas-de-iansã-oyá.php

Oferendas · Oração de Caboclos · Quedas e Fracassos de um médium. Preto- velho. Pontos Mp3 Guias · Mensagem de Preto-velho · Livro de Visitas · Homenagem a Ogum · Histórias de Oxumarê. Histórias de Ewá. Histórias de Oxossi · Histórias de Exú · Lendas de Yansã · Lendas de Exu. Orixá Tempo. Lendas de Xangô.

Pomba gira Rosa Caveira

www.centropaijoaodeangola.com/pomba-gira-rosa-caveira.php

A mesma coisa faz molambo da lixeira, pois respeita caveira e tem ele como o rei dos exus na sua casa e porteira junto com rosa caveira. Geralmente ... Lendas de Iansã com Ogum · Pontos cantados de Pomba-gira em Videos .... da Noite · Como fazer uma Oração á Pomba Gira · Pomba gira Rosa Caveira ... Altar dos ...

Lendas de Iansã com Ogum

umbandapaijoaodeangola.com.br/lendas-de-iansã-com-ogum.php

Ogum precede os outros orixás, vindo logo após Exú, e recebe também parte dos ... Lendas de Iansã com Ogum O ENCONTRO E O CASAMENTO COM OGUM ... Características dos filhos de Ogum. centropaijoaodeangola.com/ características-dos-filhos-de-ogum.php. Características dos filhos de Ogum Não é difícil ...

Maria Padilha

umbandapaijoaodeangola.com.br/maria-padilha.php

Lendas O Senhor das Encruzilhadas, quando chegou no mundo astral, pegou a gira do cruzeiro como companheira e ela lhe mostrou todo o astral inferior, e nestas andanças ao limbo ele encontra sua antiga mulher que era sua Rainha na vida terrena a qual nunca esqueceu e então passou a cuidá-la. Quando o exu Mor ...

Zé Pilintra

centropaijoaodeangola.com/homenagem-a-zé-pilintra.php

Na Jurema, Seu Zé, não tem a menor conotação de Exu, a não ser quando a reunião é de esquerda, por que o Mestre tem essa capacidade. Tanto pode vir na direita ou na esquerda. Quando vem na esquerda, não é que venha para praticar o mal, é justamente o contrário, vem revestido desse tipo de energia para poder ...

 

Homenagem a tranca Rua das almas

centropaijoaodeangola.com/homenagem-a-tranca-rua.php

Na UMBANDA, Exu Tranca Ruas não é considerado como um Deus, mas como uma entidade em evolução que busca, através da caridade, a evolução de si ... Lenda Pomba Gira Sete Saias A História de Sete Saias Vamos contar essa história que é de muita valia para aqueles que são seus seguidores e admirados .

Fundamentos

centropaijoaodeangola.com/fundamentos.php

Oferenda a exu com finalidade de desfazer trabalhos maléficos. Fundamentos: Leis de umbanda, suas crenças. Encosto: Espírito de pessoas mortas. Que se junta a uma pessoa viva, conscientemente ou não, prejudicando-a com suas vibrações negativas. Encruza: Local onde habitam os exus; é o cruzamento dos  ...

Os Filhos de Exu

umbandapaijoaodeangola.com.br/os-filhos-de-exú.php

OS FILHOS DE EXÚ O tipo psicológico do filho de EXU tem as seguintes características: É robusto, ágil, dinâmico, incansavel, transborda vitalidade. Ë grande amigo dos prazeres da vida, guloso, estä sempre com fome e bebe bastante. E por isso que ninguém do CANDOMBLË deve beber nada sem antes jogar no chão ...

Características dos filhos de Omulu

centropaijoaodeangola.com/características-dos-filhos-de-omulu.php

Lendas de Omulu Lendas de Omolu Xapanã ganha o segredo da peste na partilha dos poderes Olodumarê, um dia decidiu distribuir seus bens. Disse aos seus filhos que se reunissem e que eles mesmos repartissem entre si as riquezas do mundo. Ogum, Exú, Orixá Ocô, Xangô, Xapanã e os outros orixás deveriam ...

Exu Serpente

centropaijoaodeangola.com/exu-serpente.php

Exu Serpente A Simbologia da Serpente Desde os tempos mais remotos, a serpente desempenha um papel fundamental em todas as culturas. Associada, antes de tudo, à fonte original da vida, guarda em si grandes paradoxos, podendo significar a luz ou as trevas, o bem ou o mal, a sabedoria ou a paixão cega, a vida ...

Exu Tata caveira

centropaijoaodeangola.com/exu-tatá-caveira.php

HISTÓRIA DO EXU TATÁ CAVEIRA Antes de ser uma entidade, Tatá Caveira viveu na terra física, assim como todos nós. Acreditamos que nasceu em 670 ... Mas não falo do inferno ao qual os leitores estão acostumados a ouvir nas lendas das religiões efêmeras que pregam por aí. O inferno a que me refiro é o inferno da ...

Exus e Pomba-giras

centropaijoaodeangola.com/exus-e-pombas-giras.php

Exus e Pomba-Giras Exus Estes espíritos optaram por prosseguir sua evolução espiritual através da prática da caridade, incorporando nos terreiros de Umbanda. ... A lenda conta que a Cigana Sete Saias foi apaixonada por um moço “não cigano” o que seus pais não aceitavam... e proibida de viver este amor parou de ...

Ciganos na Umbanda

centropaijoaodeangola.com/ciganos-na-umbanda.php

São entidades oriundas de um povo muito rico de histórias e lendas, foram na maioria andarilhos que viveram nos séculos XIII, XIV, XV e XVI. Tem na ... As incorporações acontecem geralmente em linha própria, mas nada impede que eles possam a vir trabalhar na linha de Exú. "A vida as vezes nos mostra algo, que não ...

Descarrego de Pólvora

centropaijoaodeangola.com/descarrego-de-polvora.php

Ela é presidida pelas entidades Chefe, onde respeitosamente é elaborada a corrente de Luz vibratória dos médiuns onde o Guardião (ou Exu) Sr. Tranca Ruas das Almas, juntamente com o Guardião Sr. Do Lodo, “ ativam um espiral, abrindo o portal de uma terceira dimensão”, onde no momento da queima da pólvora, ...

Exu tiriri

centropaijoaodeangola.com/conversa-com-um-executor-da-lei.php

Uma de Suas "Lendas": Segundo ele mesmo conta, viveu no século XVI, na Irlanda, como mero camponês, era moço formoso e Humilde, cometeu o grave pecado de se apaixonar por uma bela Jovem, filha do senhor feudal do condado , seu amor impossível, foi causa de sal desgraça, levando-o a masmorra por vários ...

Obá

centropaijoaodeangola.com/obá.php

Lendas de Obá Obá vivia em companhia de Oxum e Iansã, no reino de Oyó, como uma das esposas de Xangô, dividindo a preferência do reverenciado Rei entre ... Muitos dos seus filhos são, hoje e na Umbanda, alguns dos mais silenciosos exus e das mais discretas pomba-giras, dos mais aguerridos caboclos e caboclas,

Pai João de Angola

centropaijoaodeangola.com/história-de-iansã.php

Foi paixão de Ogum, de Oxaguiam, de Exu, Conviveu e seduziu Oxossi, Logun- Edé e tentou, em vão, relacionar-se com Obaluaê. ... Lendas de Obá. Obá vivia em companhia de Oxum e Iansã, ... Exu mangueira. centropaijoaodeangola.com/ exu-mangueira.php. Historia de Exú Mangueira Exu Mangueira, identificado pelo  ...

Exu não é fofoqueiro

umbandapaijoaodeangola.com.br/exu-não-e-fofoqueiro.php

3) Exú também é o mensageiro dos Orixás ou como dizem o escravo, logo servindo também de "menino de recados". 4) as lendas e tradições que falam da necessidade de se aplacar a ira de Exú, antes de se iniciar qualquer ritual, para que o mesmo não provoque nenhum problema, o que faz de Exú uma entidade ...

Pomba gira Cigana

centropaijoaodeangola.com/pomba-gira-cigana.php

centropaijoaodeangola.com/a-força-das-pomba-giras.php. A força vibratória da pomba-gira destina-se a realizar diversos trabalhos relacionados com o amor, ... centropaijoaodeangola.com/pomba-gira-cigana.php . Exu tiriri. www. centropaijoaodeangola.com/conversa-com-um-executor-da-lei.php ... Lendas de Iansã com ...

Oferendas para Nanã

centropaijoaodeangola.com/oferendas-a-nanã-buruquê.php

... conforme a lenda o homem após várias tentativas de usar diversos ... Nanã, senhora de muitos búzios, que simbolizam fecundidade, riqueza e morte. ... Oferenda de oxossi. Oferendas umbanda. centropaijoaodeangola.com/ oferendas-umbanda.php. Oferendas Padê para Exú Ingredientes: - 01 pcte. de farinha de milho ...

Cabocla jurema

centropaijoaodeangola.com/cabocla-jurema.php

Corajosa, a cabocla tornou-se a primeira guerreira mulher da tribo, pois a sua força e agilidade e manejo das armas e da ciência da mata, se tornara uma lenda por todo continente; onde contadores de estórias, aos pés da fogueira, falavam da índia de pena dourada, que era a própria mãe Divina encarnada.

Obaluaiê/Omolu

centropaijoaodeangola.com/omulu-obaluaie.php

... Exu Marabô · História de Iansã · Defumação de Limpeza e Descarrego · Banho de Preto velho · História de Xangô · Conhecendo os Falangeiros de Ogum · Lendas de Xangô · Lendas de Ogum. Obaluaiê/Omolu. na Umbanda. Cura de Doenças, Saúde, Vida e Morte Omulu ou Obaluaiê, também conhecido como o Orixá ...

Yansã

centropaijoaodeangola.com/yansã.php

Histórias de Ewá. Histórias de Oxossi · Histórias de Exú · Lendas de Yansã · Lendas de Exu. Orixá Tempo. Lendas de Xangô. Lendas de Ibeji · Ogum Xoroquê. Oferendas umbanda. centropaijoaodeangola.com/oferendas-umbanda .php. Oferenda de Yansã. Oferenda de Yemanjá. Oferenda de Xangô. oferenda de omulu.

Lendas de Oxossi

centropaijoaodeangola.com/lendas-de-oxossi.php

Oxossi todas as vezes que ia caçar aparecia na beira do rio para se refrescar, e todas as vezes Oxum avistava oxossi e adimirava tamanha beleza do caçador, mais oxossi não gostava das mulheres do rio, oxossi gostava das mulheres das matas, oxum perguntou a exu irmão de oxossi como poderia fazer oxossi gostar  ...

Fundamentos na umbanda

centropaijoaodeangola.com/fundamentos-na-umbanda.php

Oferenda a exu com finalidade de desfazer trabalhos maléficos. Fundamentos: Leis de umbanda, suas crenças. Encosto: Espírito de pessoas mortas. Que se junta a uma pessoa viva, conscientemente ou não, prejudicando-a com suas vibrações negativas. Encruza: Local onde habitam os exus; é o cruzamento dos  ...

NÃO ENCONTRO O QUE PROCURA USE BUSCADOR

Digite na caixa de pesquisa abaixo o que deseja encontrar no Site

Agradecemos sua visita Volte sempre....

 

 

 

Traduzir Esta Página


Av.na Sofhia Rasgulaeff  177.

Jardim Alvorada/ Maringá /Paraná

Telefone: (44) 3034-5827 (44) 99956-8463 

Consultas Somente com Hora Marcada.

Atendimento: de Segunda a sexta-feira

Das 09:00 as 19:00.

Não damos consultas via whatsapp 


"Que Ogum te Abençoe hoje e sempre".


Os textos apresentados na sua maioria foram retirados , da internet. Esse é um espaço onde colocamos diversos pensamentos e o nosso principal objetivo é a divulgação da nossa Umbanda. Quando algum texto for de autoria do Centro Pai João de angola, o responsável será indicado; da mesma forma que fazemos com outros autores que não têm vínculos com a nossa casa... Comunicado Importante: Este é um Site totalmente gratuito, sem fim comercial ou lucrativo. Algumas imagens e informações provêm de outros sites na internet. Caso você seja o detentor do Copyright de qualquer uma delas, e deseje que ela seja retirada, por favor, é só nos mandar uma mensagem citando o nome e a localização para sua remoção imediata. Não temos o objetivo de nos apropriar de informações alheias tomando-as como nossa, pelo contrário, sempre que possível, colocaremos o nome do autor abaixo do título para deixar bem claro que a intenção é de divulgar a Umbanda através de textos bem elaborados e esclarecedores. Saiba que o Centro Pai João de Angola está isento de qualquer responsabilidade.


Ao mestre com carinho

Oração a Pai João de Angola

Ogum

Oxum

Yansã

oracões

Xangô

Yemanjá

Oxossi

Oxalá

Oxumarê

Preto-velhos

Caboclos

Boaideiros na Umbanda

Baianos na Umbanda

Marinheiros

Pomba Gira

Maria Padilha

Oração de exu

Banhos de descarregos

Pontos Riscados de Exu

História de Rei Congo

Maria Redonda

Pontos Cantados diversos

Pontos Cantados Orixás

Galeria de Videos

Mensagem do Sr. Zé Pilintra

Pai José da Guiné

Exu Capa Preta

Exu 7 encruzilhadas

Exu Morcego

Mensagem de Pai joão de Angola

Histórias de Vovó Luiza

Atribuição dos Preto-velhos

Ogum Rompe Mato

Ogum Yara

A história de vovó Benedito

Oferenda de Oxum

Oferenda a Xangô

Oferenda de Ogum

Oferenda de oxossi

A Mediunidade, os orixás e os caboclos

Orações Diversas

Os filhos de Omulu

Mensagens de Natal

Porque os exus riem

Cigano Pablo

Cigana Esmeralda

Mensagem de Ogum

Altar virtual

Altar Virtual dos Orixás

Altar dos Preto-velhos

Altar de Nossa Senhora

Altar de ogum

Altar de Oxum

Altar de Exu

Videos de preto-velhos

Descubra o seu Orixá

Livro de Visitas

Livro de Visitas 2

10 erros cometidos por médiuns

A tristeza dos Orixás

Altar na umbanda

Amor palavra de ordem na gira

As falanges de trabalhos na umbanda

Assistência

Atitudes interiores

Bandeira branca de Oxalá

Cantos e palmas num terreiro

Como acontece a gira

Como ler ouvir observar e saber se aquilo é certo

Conduta Moral

Conduta no terreiro de umbanda

Conflitos

Conflitos Familiares

Cores e a umbanda

Cumprimentos e posturas

De olho Fechados

Deus não te Fez para sofrer

Deus salve a Umbanda

O dia de Finados na Umbanda

ELEMENTOS DO TERREIRO DA UMBANDA

Entendendo a inveja

ESPIRITUALIDADE E CONSCIÊNCIA

Expressões usadas na Umbanda

Exu não é fofoqueiro

Exu não é o diabo

Falta de doutrina e comprometimento

Faz caridade fio

Faz o bem sem ver a quem

Fumos e Bebidas

Fundamentação doutrinátoria

Guias e Colares

Hierarquia na Casa de Umbanda.

Humildade

Jogaram uma carga pesada pra cima de mim

Linha de Esquerda: "Exu e ´Pomba-Gira"

Mediunidade na Umbanda

Mediunidade, um passo de cada vez

Mensagem de Caboclo 7 Flexas

MIRONGA DE PRETO VELHO

NÃO ABANDONES O TEU POSTO DE SERVIÇO

Normas dos terreiros

Nossos Umbigos

O maior inimigo da Umbanda

O pequeno universo do umbandista

O Perdão Não tem Contra-indicação

O templo que vos acolhe

OBRIGAÇÕES NA UMBANDA

Obrigado, vovô

Oração do umbandista

Orixá de Cabeça

Os Caboclos na Lição de Pai João

Os médiuns são Parceiros

Os Orixás se Manifestam em Nós e Através de Nós!

Os perigos e conseqüências da mediunidade mal orientada

Página inicial textos de Umbanda

Clique aqui.


Deste Site

Pai João de Angola
  • Ogum vencedor de Demanda
  • Fundamentos
  • Orações
  • Oxum
  • As pombas giras
  • Maria Padilha
  • Comida de Santo
  • Cosme e Damião
  • Giras de Umbanda
  • Homenagem a Zé Pilintra
  • Xangô senhor da Justiça
  • Yemanjá
  • banho de descarrego
  • Simpatias Diversas
  • Guias Contas e colares
  • Defumações
  • Batismo na Umbanda
  • Conselhos de Preto velhos
  • Escrava Anastácia
  • Marinheros na Umbanda
  • Pai Benedito
  • Homenagem a Tranca Rua
  • Baiano zé do Coco
  • Obá
  • Descarrego de Polvora
  • Ciganos na Umbanda
  • Sara Kali
  • Oxossi
  • Oxumarê
  • Preto-velho na Umbanda
  • Cabocla Jurema
  • Omulu-Obaluaie
  • Altar Virtual
  • Mãe Maria Conga
  • Boiadeiros na Umbanda
  • Descubra seu Orixá
  • Altar Virtual de exu
  • Altar Virtual dos Orixás
  • batizando-na-umbanda
  • Ossãim
  • O que è Caridade
  • Ogum em video
  • Caboclo boiadeiro
  • Ser Médium
  • Pontos e videos de defumação
  • Caboclos na Umbanda
  • Como acontece a Gira
  • reflexão em Videos
  • Conduta moral
  • Anjo da Quarda
  • Curiosidades
  • Intolerância Religiosa
  • Mediunidade
  • Corrente mediunica
  • Orações 2
  • tronqueira
  • Mensagens em slaides
  • Casamento na Umbanda
  • pontos cantados 2
  • Oxalá
  • Sincretismo religioso
  • Caracteristicas dos filhos
  • Altar dos Preto-velhos
  • Exu
  • Umbanda
  • Quimbanda
  • Orações das almas
  • hierarquia na umbanda
  • Livre se da Depressão
  • Reflexões
  • 7 chaves da Felicidade
  • Mensagens Espiritas
  • Tia maria de Minas
  • Minutos de sabedoria
  • Exus e pombas Giras
  • Mensagens de Otimismo e Fé
  • Convite aos Umbandistas
  • 13 de Maio
  • Combatendo o alcoolismo
  • Recomeçar de Novo
  • Superando as Percas
  • Perdoar a si mesmo
  • Decepções
  • Conceito Básico
  • Zumbi dos Palmares
  • Maria Bueno
  • Mini Série Oxum
  • Reconciliação
  • indiferença
  • desencarnar
  • Pontos Mp3 Orixás
  • O Médico dos médicos
  • Livro de Visitas
  • Corrente de Orações
  • Mensagem de Tranca-Rua
  • Conflitos Familiares
  • Amor e Ódio
  • Exu tiriri
  • Um abraço fraterno
  • Prece Aos Caboclos
  • O que Falta na umbanda
  • Mensagem de Vovó Maria Conga
  • Lições de sabedoria
  • Ajudar faz Bem
  • A umbanda que eu amo
  • Preto-velho x Exu
  • Frustrações
  • Batendo cabeça
  • Aprenda a Dizer Não
  • Insatisfação com a Vida
  • Oferenda de Marinheiro
  • Conselhos aos casais
  • Vovó Benta
  • Pai Cipliano
  • O Uso das velas
  • O luxo na Umbanda
  • Salmos Recomendados
  • Yansã
  • Pontos Riscados
  • Como combater a Inveja
  • Nanã de Buroque
  • Pai Guiné
  • Pai Tomé
  • Pai Antônio
  • Prece aos Orixás
  • Altar de Nossa senhora
  • Altar Virtual de Ogum
  • Altar Virtual de Oxum
  • Livro de Visitas 2
  • Ao mestre com carinho
  • Sabedoria de preto-velho
  • Fofocas no terreiro
  • Histórias de Preto velho
  • Aos médiuns da corrente
  • Orixá logum edê
  • História de Vó Cambinda
  • Pai Serafim de Aruanda
  • Pontos Cantados
  • Página inicial
  • descubra seu orixá
  • Assuntos Diversos
  • Oferendas de Exu
  • Oferendas para os Orixás
  • Pomba Gira Cigana
  • Oferendas a Yansã
  • Exu do lodo
  • EXU TATÁ CAVEIRA
  • Povo da Rua
  • Exu serpente
  • Exu Mangueira
  • Oração a Exu chama dinheiro
  • Exu Veludo
  • Oferenda para os preto-velhos
  • Oferenda de Boiadeiros
  • Oferenda ao Caboclo boiadeiro
  • Oferendas Básicas Umbandistas
  • banhos de abertura de caminho
  • Benzimentos
  • Caixa de Pesquisa do site
  • DICIONARIO DE UMBANDA
  • pai-Jeronimo
  • Religiões linhas sagradas
  • oferenda-de-ogum
  • Oferenda de Iemanjá
  • Ogum beira mar
  • Vovo Antonieta da Bahia
  • BARÁ
  • As águas de oxalá
  • Banhos Ciganos
  • Em sintonia com Deus
  • Lendas de Omulu
  • Lendas de Omulu
  • Caboclo pedra Roxa
  • Mensagem de Caboclos
  • Seu Zé Pilintra
  • Oferendas umbanda
  • Padê de Exu
  • Oração a Marinheiros na umbanda
  • Tudo sobre os filhos de Oxossi
  • Encruzilhadas de Ruas
  • Banhos de ervas
  • Lendas de Oxum
  • Prece a Zé Pilantra
  • Oração a santa Sara Kalli
  • Banho de defesa espiritual
  • Nossa Senhora da Conceição
  • Médium e guia
  • Características dos filhos de Ogum
  • Características dos Filhos de Oxum
  • Características dos filhos de Oxalá
  • Características dos filhos de Yansã
  • Características dos filhos de Omulu
  • Ervas e Orixás
  • Características dos filhos de Obá
  • Características dos filhos de Iemanjá
  • Características dos filhos de Oxumaré
  • Características dos filhos de Ossain
  • Características dos Filhos de Ibejis
  • Lendas de Omulu

    centropaijoaodeangola.com/lendas-de-omulu.php

    Ogum, Exú, Orixá Ocô, Xangô, Xapanã e os outros orixás deveriam dividir os poderes e mistérios sobre as coisas na Terra. Num dia em que Xapanã estava ausente, os demais se reuniram e fizeram a partilha, dividindo todos os poderes entre eles, não deixando nada de valor pra Xapanã. Um ficou com o trovão, o outro ...

    Altar Virtual de Exu.

    centropaijoaodeangola.com/altar-de-exu.php

    centropaijoaodeangola.com/altar-virtual-de-xango.php. Exu Caveira do Mar · LINHA DO ORIENTE · As falanges de trabalho na ... Pai jacó do cruzeiro · Oração a exu e Pomba gira · Orações pra abrir caminhos. conheça nosso blog. centropaijoaodeangola.com/conheça-nosso-blog.php ... Lendas de Iansã com Ogum .

    exu

    centropaijoaodeangola.com/exu.php

    Orixá quase sempre sem noção do poder que possui, Exú é freqüentemente lembrado em lendas onde desafia orixás e algumas vezes torna-se vencedor. Esse poder foi traduzido mitologicamente no fato de Exú habitar as encruzilhadas, passagens, os diferentes e vários cruzamentos entre caminhos e rotas, e ser o ...

    Lendas de Oxum

    centropaijoaodeangola.com/lendas-de-oxum.php

    (4) Conta-nos uma lenda, que Oxum queria muito aprender os segredos e mistérios da arte da adivinhação, para tanto, foi procurar Exú, para aprender os princípios de tal dom. Exú, muito matreiro, falou à Oxum que lhe ensinaria os segredos da adivinhação, mas para tanto, ficaria Oxum sobre os domínios de Exú durante ...

    Exu mangueira

    centropaijoaodeangola.com/exu-mangueira.php

    exu pode nos reconduzir a luz, só ele conhece o caminho de retorno! Exu não é amigo ou inimigo. Ele é a verdade, o caminho, o mestre, o caminho. Não tem dó ou piedade, fará tudo que for necessário para que tenhamos em nossa vida o merecimento que fizermos pro merecer. Exu Mangueira na Umbanda Um exu ...

    Ogum e Exu

    umbandapaijoaodeangola.com.br/orixás-exú-e-ogum.php

    ORIXÁS EXÚ E OGUM Além da grande afinidade entre as duas figuras míticas ( que são irmãos de acordo com as lendas), Ogum é o responsável pelo desbravamento, pelo desmatar e o criar de novos caminhos, pela expansão imperialista do reino, enquanto Exú é o senhor da força (axé) que percorre os caminhos.

    Lendas de Exu

    centropaijoaodeangola.com/lendas-de-exu.php

    Lendas de Exu. Exu vinga-se e exige o privilégio das primeiras homenagens. Exu era o irmão mais novo de Ogum, Odé e outros orixás.Era tão turbulento criava tanta confusão que um dia o rei já não suportando sua malfazeja índole, resolveu castigá-lo com severidade. Para impedir que fosse aprisionado, os irmãos o ...

    Oferenda para Exu

    centropaijoaodeangola.com/oferendas-de-exu.php

    Oferenda a Exú Tranca Rua das almas para abertura de caminhos: 01 alguidá médio 01 pacote de milho de pipoca dendê 01 vela branca 03 moedas correntes Em uma panela colocar um ... (bis) Acendi minha vela o meu charuto Arrie minha marafo Saravei Exu do Lodo (bis) Lenda de Exú do Lodo Diz a lenda, que .

    Mensagem de Exu Capa preta

    umbandapaijoaodeangola.com.br/exu-capa-preta.php

    Não me comprem,não me dêem presentes,sou um mensageiro,. sou um Guardião,vivo na caridade,não na escuridão. "Guardião da Capa Preta". Exu Capa Preta Lendas. Exu da Capa Preta, se trata de uma entidade que quando vida era um padre da Igreja católica, em uma época remota, mais antiga, algumas pesquisas ...

    Exu Tiriri

    centropaijoaodeangola.com/exu-tiriri.php

    Já deu meia noite lá na encruzilhada Solte o galo preto exu da madrugada (2x) Lá na encruza eu vi o exu Rei Eu vi seu Tiriri e com Ele eu falei (2x) Deu meia noite A ... ORIXÁS EXÚ E OGUM Além da grande afinidade entre as duas figuras míticas ( que são irmãos de acordo com as lendas), Ogum é o responsável pelo .

    Oferendas umbanda

    centropaijoaodeangola.com/oferendas-umbanda.php

    Oferendas Padê para Exú Ingredientes: - 01 pcte. de farinha de milho amarela - 01 vidro de azeite de dendê - 01 cebola grande - 01 bife - 03 charutos - 01 caixas de fósforo - 01 garrafa de aguardente - 07 pimentas vermelhas Modo de preparo: Em um alguidar coloque a farinha de milho e um pouco de dendê, com as ...

    Lendas de Xangô

    centropaijoaodeangola.com/lendas-de-xangô.php

    centropaijoaodeangola.com/lendas-de-oxum.php. (3) Quando Xangô se apaixonou por Oxum, ela o recusou; entào ele tentou violentá-la. Foi impedido por Exu, que os separou, dizendo que eles só poderiam se unir se ela o aceitasse livremente. Zangado, Xangô trancou Oxum numa torre muito alta, dizendo que só a ...

    Como acontece a Gira

    centropaijoaodeangola.com/como-acontece-a-gira.php

    Finalmente, procede-se à Gira dos Exús que também são fumantes de charutos e têm a função de cumprir as determinações deliberadas nas Giras anteriores, ou seja, fazer o serviço. Como já foi mencionado, existem também as Giras internas, fechadas ao público, destinadas aos adeptos que precisam " desenvolver a ...

    Preto velho X Exu

    centropaijoaodeangola.com/preto-velho-x-exu.php

    Preto velho X Exu. X Ponto de advertência de Preto-Velho. Preto velho passou no cruzeiro, Foi pedia a Oxalá proteção. Preto-velho no espaço se une. Filho na terra não tem união. 3x Minha intenção ao escrever essa página é de mostrar como age Preto velho e exu em suas consultas, mostrar qual é a diferença, qual a ...

    Lendas de Obá

    centropaijoaodeangola.com/lendas-de-obá.php

    Ela desafiou Obaluaê e botou Exú prá correr. Chegou a vez de Ogum! Ogum teve o cuidado de consultar Ifá, antes da luta. Os adivinhos lhe disseram para fazer oferendas, compostas de duzentas espigas de milho e muitos quiabos. Tudo pisado num pilão para se obter uma massa viscosa e escorregadia. Esta substância ...

    Ogum Xaroquê

    centropaijoaodeangola.com/ogum-xaroquê.php

    De acordo com Fernandes Portugal, Ogum Xoroquê é um Ogum com fundamento em Exú. Já Xogum , segundo o mesmo autor, é um tipo de Ogum que se torna ... A Lenda de Ogum Xoroquê também cultuado em casas de Candomblé conta que uma vez ao voltar de uma caçada não encontrou vinho de palma (ele devia .

    seu Zé Pilintra

    centropaijoaodeangola.com/seu-zé-pilintra.php

    Seu Zé Pelintra é uma entidade que vem na Umbanda em geral na linha dos baianos, mas também pode vir na esquerda (Exus). Sua característica principal é a da figura do malandro, que vive na boemia, bom de dados e baralho, bom de faca e galanteador com as mulheres. Pode manifestar-se de formas diferentes em ...

    Ogum

    umbandapaijoaodeangola.com.br/ogum.php

    Ogum também é considerado o Senhor dos caminhos. Ele protege as pessoas em locais perigosos, dominando a rua com o auxílio de Exu, o rei das encruzilhadas e dos cemitérios (calunga pequena). História de Ogum Beira Mar Conta uma lenda que ao chegar a uma aldeia Ogum Beira Mar ficou furioso. Ele falava com ...

    Zumbi dos Palmares

    centropaijoaodeangola.com/zumbi-dos-palmares.php

    Clique na Imagem abaixo: A LENDA DE OXUM Oxum era a filha preferida de Orumilá. A menina dos olhos de seu pai. Quando a menina nasce , seu pai lhe deu as águas doces e cachoeiras para governar. Lhe deu a benção sobre as mulheres, a fertilidade, o cuidado sobre o feto. Oxum cresceu bela, meiga e mimada.

    Oferenda a tranca Rua das almas

    www.centropaijoaodeangola.com/oferenda-a-tranca-rua-das-almas.php

    Saia do local sem olhar pra trás. Esta é uma Oferenda para você conseguir coisas boas, então não adianta tentar utilizar o trabalho como feitiço, macumba, ou algo que venha fazer mal a alguém. Exú Tranca Ruas das 7 Encruzilhadas da Umbanda MATERIAL NECESSÁRIO PARA O TRABALHO DE EXÚ: * Uma travessa ...

    Lendas de Yemanjá

    centropaijoaodeangola.com/lendas-de-yemanjá.php

    Iemanjá ganha o poder de cuidar de todas as cabeças Olodumaré fez o mundo e repartiu entre os orisás vários poderes, dando a cada um reino para cuidar. A Exú deu o poder da comunicação e a posse das encruzilhadas. A Ogum o poder de forjar os utensílios para agricultura e o domínio de todos os caminhos.

    Xangô senhor da justiça

    centropaijoaodeangola.com/xangô-senhor-da-justiça.php

    Diz a tradição de lendas que Xangô tem medo da morte, pelo fato de abandonar a cabeça (ou ori) de seus filhos de santo. ... exu. centropaijoaodeangola.com/exu .php ... não dão como Orixá de cabeça o Senhor Exú, geralmente é dada na cabeça ... Exus da justiça: Esta linha é formada por Exus que sevem ao Orixá ...

    Tudo sobre os filhos de Oxossi

    centropaijoaodeangola.com/tudo-sobre-os-filhos-de-oxossi.php

    Em algumas lendas aparece como irmão de Ogum e de Exú. Oxossi é o rei de Keto, filho de Oxalá e Yemanjá, ou, nos mitos, filho de Apaoka (jaqueira). É o Orixá da caça; foi um caçador de elefantes, animal associado à realeza e aos antepassados. Diz um mito que Oxossi encontrou Iansã na floresta, sob a forma de um ...

    A Força das Pomba-giras

    centropaijoaodeangola.com/a-força-das-pomba-giras.php

    A Força das Pomba-giras exú fez uma casa com 7 portas , 7 janelas, exú num precisa de casa é a pomba-gira quem vai morar nela.. Imagine o sol sem a lua, o sal sem açúcar, o inverno sem o verão,o homem sem a mulher, o positivo sem o negativo, o bem sem o mal, para existir um equilibrio no universo é indispensável ...

    As águas de Oxalá

    centropaijoaodeangola.com/as-águas-de-oxalá.php

    AS ÁGUAS DE OXALÁ ... Tiveram origem em uma lenda em que se envolveram OXALÁ e XANGÔ, sendo que aquele na roupagem de OXALUFÃ que é a seguinte: OXALUFÃ, tendo que viajar ao reino de OYÓ, domínios de seu amigo XANGÔ, e injustamente confundido com um ladrão de cavalos foi preso e trancafiado ...

    Comidas e oferendas de Oxumarê