Histórias de Xangô e Yansã

HISTORIA DE XANGÔ E YANSÃ:

vamos conhecer agora a história de Xangô, um orixá bastante sedutor, que havia sido disputado por três mulheres: Oiá/Iansã, Oxum e Obá. Estas mulheres eram as únicas que mandavam nele, embora ele acreditasse que elas atendiam seus desejos.

Para compreender como Oiá e Xangô se apaixonaram é preciso retroceder um pouco no tempo e lembrar do primeiro casamento de Oiá com Ogum. Em certa ocasião, Ogum presenteou sua esposa com uma vara de Ferro, igual a sua, que tinha o poder de dividir os homens em sete partes e as mulheres em nove, quando tocados pela vara. Oiá acompanhava o marido em seus trabalhos. Xangô freqüentemente visitava Ogum para vê-lo moldar o ferro e, não raras vezes, lançava olhares de flerte para Oiá, que logo ficou encantada com a elegância deste homem, até que um dia fugiu com ele.

Furioso, Ogum perseguiu os amantes e quando os encontrou, ergueu sua vara mágica para atacá-los. A fim de se defender do bravo marido, Oiá ergueu sua vara ao mesmo tempo. Ambos se tocaram na mesma hora. Ogum foi dividido em sete partes e Oiá, em nove partes e passou a se chamar Iansã, que significa “mãe transformada em nove”. Depois disso, Iansã foi morar com Xangô.

Certo dia, cansada de viver com Xangô, e com ciúme do seu segundo casamento dele com Oxum, Iansã fugiu para as terras de Ogum e passou a viver com ele. Tempos depois, ela pediu para Ogum um presente e ele lhe deu uma espada.

Inconformado com a fuga de Iansã, Xangô saiu à sua procura, mas quando estava aproximando-se dela, Iansã fugiu para as terras de Oxóssi, com quem passou a viver. Depois de um tempo ela pediu ao novo marido um presente e ele envergou sua espada, que além de cortar passou a furar. Xangô continuou a procurar Iansã e, chegou próximo de onde ela morava. Novamente ela fugiu, agora para as terras de Omolu, com quem se casou. Omolu também deu um presente à Iansã, concedeu a ela o poder sobre os mortos. Com a aproximação de Xangô, que continuava a persegui-la, Iansã foi para as terras de Exu, de quem ganhou alguns feitiços. Sem mais lugar para fugir de seu marido, Iansã transformou-se em uma pedra. Cansado da perseguição, Xangô colocou os pés em cima da pedra (Iansã transformada) e disse: “Se meu coração tem de sofrer tanto por causa de uma mulher, é melhor que venha um raio e me parta ao meio!”. Então, o raio veio, mas atingiu a pedra, que teve seu encanto desfeito transformando Iansã em mulher novamente. Cansada, Iansã desistiu de fugir e voltou para casa com Xangô.

Uma outra história que envolve os amores de Xangô foi seu terceiro casamento, com Obá. Ela nasceu de uma relação incestuosa forçada por seu irmão Orugan com sua mãe Iemanjá. Antes de unir-se a Xangô, Obá foi casada com Ogum e Oxóssi. Vejamos como Obá e Xangô se conheceram.

Certo dia, Xangô encontrou Obá ajoelhada sob o sol forte, implorando aos orixás que enviassem chuva a seu povo. Comovido, Xangô atendeu ao pedido de Obá, que ficou apaixonada com sua atitude.

Apesar de mais velha, Obá era muito bonita e atraente e Xangô apaixonou-se por ela, levando-a para casa, tornando-a sua terceira esposa. Porém, o amor de Xangô por Obá foi como uma chuva de verão. Xangô, moço, cansou-se de sua terceira mulher e deixou-a de lado, dando preferência, principalmente, para Oxum, que era jovem.

Sentindo-se abandonada, Obá pediu ajuda para Oxum, na tentativa de reascender a paixão de Xangô por ela. Então, a ingênua Obá deixou-se iludir por Oxum, que lhe prometeu ensinar uma fórmula para reconquistar o amor do marido. Obá foi à casa de Oxum e viu que ela preparava uma sopa. Um belo turbante enfeitava a cabeça de Oxum, escondendo suas orelhas. Na panela, boiavam grandes cogumelos e Oxum disse a Obá que havia cortado as próprias orelhas para preparar aquele prato, capaz de conquistar o amor de Xangô. Obá acreditou e resolveu fazer o mesmo para Xangô.

No dia de cozinhar para o marido, Obá cortou uma de suas orelhas e preparou a sopa. Quando serviu a Xangô, percebeu o que havia feito, pois viu que Oxum tinha suas duas orelhas. Mutilada, Obá foi rejeitada por Xangô. Furiosa com o que lhe aconteceu, Obá foi tirar satisfação com Oxum. A briga entre elas foi tão feroz que Xangô precisou intervir. Com um grito forte como um trovão, as duas se assustaram de tal maneira que se transformaram em rios, o rio Obá e o rio Oxum, que em determinado ponto se encontram, formando uma pororoca, mostrando que a luta entre elas permanece até hoje.

Esta lenda africada é rica de paixão e envolvimento. Uma paixão claramente expressa, muito diferente do que vemos nas culturas ocidentais, que escondem ou disfarçam seus sentimentos amorosos. As mulheres são retratadas de uma forma bastante enriquecida, com personalidade forte, procurando fazer-se amar pelo homem eleito. Um amor que passa pelo respeito por si mesma, porém às vezes esse limite é ultrapassado e suas conseqüências vividas. Um amor que procura reciprocidade e, quando não encontra, é rejeitado. A expressão da insatisfação faz com que os amantes procurem, de alguma forma, lidar com o fracasso amoroso, ou buscando um novo amor, ou então, lutando pela reconquista do amor perdido.

LENDAS de Xangô:


(1) Quando Xangô pediu Oxum em casamento, ela disse que aceitaria com a condição de que ele levasse o pai dela, Oxalá, nas costas para que ele, já muito velho, pudesse assistir ao casamento. Xangô, muito esperto, prometeu que depois do casamento carregaria o pai dela no pescoço pelo resto da vida; e os dois se casaram. Então, Xangô arranjou uma porção de contas vermelhas e outra de contas brancas, e fez um colar com as duas misturadas. Colocando-o no pescoço, foi dizer a Oxum: "- Veja, eu já cumpri minha promessa. As contas vermelhas são minhas e as brancas, de seu pai; agora eu o carrego no pescoço para sempre."

(2) Xangô vivia em seu reino com suas 3 mulheres ( Iansã, Oxum e Obá ), muitos servos, exércitos, gado e riquezas. Certo dia, ele subiu num morro próximo,junto com Iansã; ele queria testar um feitiço que inventara para lançar raios muito fortes. Quando recitou a fórmula, ouviu-se uma série de estrondos e muitos raios riscaram o céu. Quando tudo se acalmou, Xangô olhou em direção à cidade e viu que seu palácio fora atingido. Ele e Iansã correram para lá e viram que não havia sobrado nada nem ninguém. Desesperado, Xangô bateu com os pés no chão e afundou pela terra; Iansã o imitou. Oxum e Obá viraram rios e os 4 se tornaram Orixás.

(3) Odùdùa, um guerreiro que vinha de uma cidade do Leste, invadiu com seu exército a capital do povo chamado Ifé. Esta cidade depois se chamou Ilê-Ifé, quando Odùdùa se tornou seu governante. Odùdùa tinha um filho chamado Acambi e Acambi teve sete filhos e seus filhos ou netos foram reis de cidades importantes. A primeira filha deu-lhe um neto que governou Egbá, a segunda foi mãe do Alaketo, o rei de Keto, o terceiro filho foi coroado rei da cidade de Benim, o quarto foi Orungã, que veio a ser rei de Ilê-Ifé, o quinto filho foi soberano de Xabes, o sexto, rei de Popôs, e o sétimo foi Oraniã, que foi rei de Oyó. Esses príncipes eram vassalos do rei de Ilê-Ifé, que então se transformou no centro de um grande império, cujo nome era Oyó. Odùdùa era o grande rei de Oyó. Ele unificou as mais importantes cidades daquela região, mais tarde conhecida como sendo a terra dos yorubás. Em cada cidade ele pôs no trono um parente seu. Ele foi o grande soberano dos reinos yorubás. Ele foi chamado o primeiro Alafim, o rei de Oyó. Quando Odùdùa morreu, os príncipes fizeram a partilha dos bens do rei entre si e Acambi ficou como regente do império até sua morte, nunca tendo sido, contudo, coroado rei do império. Nunca lhe foi atribuído o título de Alafim. Com a morte de Acambi, foi feito rei Oraniã, o mais jovem dos príncipes do império, que tinha se tornado um homem rico e poderoso. A ancestral Ilé-Ifé era a capital dessa vasta região conhecida como Oyó. O Alafim Oraniã foi um grande conquistador e solidificou o poderio de Oyó.

(4) Um dia Oraniã levou seus exércitos para combater o povo que habitava uma região a leste de seu império. Era uma guerra muito difícil, mas, antes de ganhar a guerra, o oráculo o aconselhou a estacionar com os seus homens, pois ali ele haveria de muito prosperar. Assim foi feito e aquele acampamento a leste de Ilé-Ifé tornou-se uma cidade poderosa. Essa próspera povoação foi chamada cidade de Oyó e veio a ser a grande capital do império fundado por Odùdùa. Com a morte de Oraniã, seu filho Ajacá foi coroado terceiro Alafim de Oyó. Ajacá, que tinha o apelido de Dadá por causa de seu cabelo encaracolado, era um homem pacato e sensível, com pouca habilidade e nenhum tino para governar. Dadá-Ajacá tinha um irmão que fora criado na terra dos nupes, um povo vizinho dos yorubás, filho de Oraniã com a princesa Iamassê, embora haja quem diga que a mãe dele foi Torossi, filha de Elempê, o rei dos nupes, também chamados tapas. Esse filho de Oraniã era Xangô, grande guerreiro, que fundara uma pequena cidade chamada Cossô, nas cercanias da capital Oyó. Xangô, que era o rei de Cossô, uma cidade tributária de Oyó, um dia destronou o irmão Ajacá-Dadá, e o exilou como rei de uma pequena cidade, onde usava uma pequena coroa de búzios, chamada coroa de Baiani. Xangô foi assim coroado o quarto Alafim de Oyó, governando o império de Odùdùa e Oraniã por sete anos. Quando Xangô morreu, e dizem que foi obrigado a se enforcar num momento de crise de seu império, seus ministros procuraram seu corpo e não encontraram. Compreenderam então que ele tinha entrado para o Orum e instituíram seu culto. Xangô havia se transformado em orixá

(5) Quando Xangô pediu Oxum em casamento, ela disse que aceitaria com a condição de que ele levasse o pai dela, Oxalá, nas costas para que ele, já muito velho, pudesse assistir ao casamento. Xangô, muito esperto, prometeu que depois do casamento carregaria o pai dela no pescoço pelo resto da vida; e os dois se casaram. Então, Xangô arranjou uma porção de contas vermelhas e outra de contas brancas, e fez um colar com as duas misturadas. Colocando-o no pescoço, foi dizer a Oxum: "- Veja, eu já cumpri minha promessa. As contas vermelhas são minhas e as brancas, de seu pai; agora eu o carrego no pescoço para sempre."

(6) Xangô vivia em seu reino com suas 3 mulheres ( Iansã, Oxum e Obá ), muitos servos, exércitos, gado e riquezas. Certo dia, ele subiu num morro próximo, junto com Iansã; ele queria testar um feitiço que inventara para lançar raios muito fortes. Quando recitou a fórmula, ouviu-se uma série de estrondos e muitos raios riscaram o céu. Quando tudo se acalmou, Xangô olhou em direção à cidade e viu que seu palácio fora atingido. Ele e Iansã correram para lá e viram que não havia sobrado nada nem ninguém. Desesperado, Xangô bateu com os pés no chão e afundou pela terra; Iansã o imitou. Oxum e Obá viraram rios e os 4 se tornaram Orixás.

(7) Xangô era rei de oyó, terra de seu pai; já sua mãe era da cidade de empê, no território de tapa. Por isso, ele não era considerado filho legitimo da cidade. A cada comentário maldoso xangô cuspia fogo e soltava faiscas pelo nariz. Andava pelas ruas da cidade com seu oxé, um machado de duas pontas, que o tornava cada vez mais forte e astuto onde havia um roubo, o rei era chamado e, com seu olhar certeiro, encontrava o ladrão onde quer que estivesse. Para continuar reinado xangô defendia com bravura sua cidade; chegou até a destronar o próprio irmão, dadá, de uma cidade vizinha para ampliar seu reino. Com o prestigio conquistado, xangô ergueu um palácio com cem colunas de bronze, no alto da cidade de kossô, para viver com suas três esposas: oyá (yansã) amiga e guerreira; oxum, coquete e faceira e obá, amorosa e prestativa. Para prosseguir com suas conquistas, xangô pediu ao babalaô de oyó uma fórmula para aumentar seus poderes; este entregou-lhe uma caixinha de bronze, recomendando que só fosse aberta em caso de extrema necessidade de defesa. Curioso, xangô contou a yansã o ocorrido e ambos, não se contendo, abriram a caixa antes do tempo. Imediatamente começou a relampejar e trovejar; os raios destruíram o palácio e a cidade, matando toda a população. Não suportando tanta tristeza, xangô afundou terra adentro, retornando ao orun.

 

Oferendas de xangô

centropaijoaodeangola.com/oferendas-de-xangô.php

Mas ele não age sem uma boa razão: Xangô tem um senso de justiça muito acentuado. Exige exclusividade, mas nunca consegue resistir a uma aventurazinha. Segue os passos do pai, marido de muitas esposas, das quais as prediletas são a dengosa Oxum e a guerreira Iansã - esta, a parceira ideal, pois o acompanha ...

Características dos filhos de Oxumaré

centropaijoaodeangola.com/características-dos-filhos-de-oxumaré.php

Apesar de muitos Babalorixás não aceitarem, tem seu sincretismo católico como São Bartolomeu. É representado pelo arco-íris que, segundo algumas lendas é a ponte que possibilita que as águas de Oxum sejam levadas ao castelo no céu de Xangô. Por essa lenda, é atribuído a Oxumaré o poder de regular as chuvas e ...

Boiadeiros na umbanda

centropaijoaodeangola.com/boiadeiros-na-umbanda.php

Mas também são regidos por Iansã, tendo recebido da mesma a autoridade de conduzir os eguns da mesma forma que conduziam sua boiada quando encarnados. ... Tu que guia teu gado pelas porteiras dos caminhosde Ogum, que passa por rios, sob Sol e chuva com seu berrante aanunciar tu chegada, com teu chicote ...

Pontos Cantados de Yansã

centropaijoaodeangola.com/pontos-cantados-de-yansã.php

Algumas passagens da história de Iansã relacionam-na com antigos cultos agrários africanos ligados à fecundidade, e é por isso que a menção aos chifres de ... Cadê Oiá Xangô Iansã, Oiá divina no axé. Eparrei Oiá Santa Barbara ela é. O Cálice Bento ela segurou. Sua espada sagrada ela arriou. Eparrei Oiá, Eparrei Oiá

Giras de Umbanda

centropaijoaodeangola.com/giras-de-umbanda.php

Orixás: Xangô, Ogum, Exu, Oxum, Nanã, Iemanjá, Iansã, Obaluayê, Oxumaré, entre outros. Guias: Pretos- velhos, Caboclos, Boiadeiros, Crianças, Exus, Marinheiros e ..... Muitas histórias são ditas sobre a incorporação da Pomba Gira Dama da Noite. ... Mensagem de Pomba gira Maria Mulambo Hoje falo a vocês que têm ...

Características dos Filhos de Orixás

centropaijoaodeangola.com/caracteristicas-dos-filhos.php

Características dos Filhos de Xangô É muito fácil reconhecer um filho de Xangô apenas por sua estrutura física, pois seu corpo é sempre muito forte, com uma ... Geralmente, os filhos de Ogum são pessoas alegres, que falam e riem alto para que todos se divirtam com suas histórias e que adoram compartilhar a

Oração a Exu Chama Dinheiro

centropaijoaodeangola.com/oração-a-exu-chama-dinheiro.php

Daí-me fé e esperança para amar, perdoar, fazer a caridade e através dela crer sempre mais em Oxalá NOSSO SALVADOR. alupo senhor Exu, que assim seja, assim será, e assim será ! oração ditada pelo próprio Exu CHAMA DINHEIRO , através da médium cacique Renata da Oxum, em nossa seara ALDEIA DE OGUM ...

Exus e Pomba-giras

centropaijoaodeangola.com/exus-e-pombas-giras.php

Exus e Pomba-Giras Exus Estes espíritos optaram por prosseguir sua evolução espiritual através da prática da caridade, incorporando nos terreiros de Umbanda. São muito amigos, quando tratados com respeito e carinho, são desconfiados mas gostam de ser presenteados e sempre lembrados. Estes espíritos, assim ...

Lendas de Yansã Oyá

centropaijoaodeangola.com/lendas-de-iansã-oyá.php

Tempos depois, com saudades, Iansã voltou para Ogum; emtão Xangô chamou seu exército e atacou o reino do irmão. Enquanto lutavam, Ogum mandou Iansã para o reino de Oxossi. Quando Xangô, vencedor, foi buscá-la, ela se casara com Oxossi.Atacou-o, e Oxossi mandou Iansã para o reino de Omolu. E a história se ...

Pai Benedito

centropaijoaodeangola.com/pai-benedito.php

Assim como os caboclos de Xangô, trabalham para causas de prosperidade sólida, bens como casa própria, processo na justiça e realizações profissionais. Passam seriedade em cada palavra dita. Cobram bastante de seus médiuns e consulentes. PRETO-VELHOS DE IANSÃ São rápidos na sua forma de incorporar e ...

Xangô

centropaijoaodeangola.com/orixá-xango.php

Nos candomblé dança com suas cores rituais que são o vermelho, branco e marrom. Algumas qualidades trazem na cabeça um gorro na cor vermelha. Conta uma lenda que explica o fato de Xangô e Iansã deterem ao mesmo tempo o poder do fogo. Vivia Xangô no reino de Oió e ouviu dizer de um certo mago que vivia ...

Altar de xangô.

centropaijoaodeangola.com/altar-virtual-de-xango.php

Altar de xangô. Uma famosa lenda de Xangô retrata seu poder, sua fúria, mas acima de tudo seu senso de justiça. Ele, acompanhado de seu numeroso exército, viu-se à frente com um poderoso exército inimigo. Este tal exército era conhecido pois exterminar seus opositores, sem qualquer piedade. A batalha foi dura, ...

A história de Vovó Cambinda

centropaijoaodeangola.com/história-de-vó-cambinda.php

A história de Vovó Cambinda Vovó Cambinda é uma Preta Velha Amada por todos que amam a Umbanda. ... A senhora Cambinda é uma das Pretas Velhas mais conhecidas na história da Umbanda. ... Xangô comeu um saboroso amalá, que arriei na pedreira e a Oxóssi, levei até as matas um banquete com abóbora,

Quem é Xangô

centropaijoaodeangola.com/quem-é-xangô.php

centropaijoaodeangola.com/o-compromisso-assumido.php. Histórias de Vovó Luiza · Atribuição dos Preto-velhos · Ogum Rompe Mato · Ogum Yara · A história de vovó Benedito · Oferenda de Oxum · Oferenda a Xangô. Obá. centropaijoaodeangola.com/obá.php. Lendas de Obá. Obá vivia em companhia de Oxum e Iansã, ...

Características dos Filhos de Oxum

centropaijoaodeangola.com/características-dos-filhos-de-oxum.php

Como Xangô não aceitasse Logun-Edé em seu palácio, Oxum abandonou seu filho, usando como pretexto a curiosidade do menino, que um dia foi vê-la banhar-se no rio. Oxum pretendia abandoná-lo sozinho na floresta, mas o menino se esconde sob a saia de Iansã a Deusa dos raios que estava por perto. Oxum deu ...

Obaluaiê/Omolu

centropaijoaodeangola.com/omulu-obaluaie.php

Quando lhe disseram que ele tinha vergonha de seu aspecto, Ogum foi ao mato, colheu palha e fez uma capa com que Omulú se cobriu da cabeça aos pés, tendo então coragem de se aproximar dos outros. Mas ainda não dançava, pois todos tinham nojo de tocá-lo. Apenas Iansã teve coragem; quando dançaram, ...

Prece aos Orixás

centropaijoaodeangola.com/prece-aos-orixás.php

PRECE AOS ORIXÁS. Tudo o que eu quero!!! … Ter a longevidade das palavras de Oxalá. … Ser livre como os ventos de Iansa. … Ser justo como o machado de Xangô. … Ser forte como a espada de Ogum. … Ser firme como o arco e reto como as flechas de Oxóssi. … Ser mágico como as forças de Obaluaê. …

Características dos filhos de Oxalá

centropaijoaodeangola.com/características-dos-filhos-de-oxalá.php

São muito parecidos com os filhos de Xangô, com certeza trazem consigo o equilíbrio da justiça, do exato, do correto. São pessoas severas, pois gostam de ... Características dos filhos de Yansã Os filhos de Iansã são pessoas que chamam a atenção por sua postura física alongada e imponente. Alegres, fortes e muito .

Características dos filhos de Xangô

centropaijoaodeangola.com/características-dos-filhos-de-xangô.php

Características dos filhos de Xangô É muito fácil reconhecer um filho de Xangô apenas por sua estrutura física, pois seu corpo é quase sempre muito forte, com uma quantidade ... Características dos filhos de Yansã Os filhos de Iansã são pessoas que chamam a atenção por sua postura física alongada e imponente.

Prece aos caboclos

centropaijoaodeangola.com/prece-aos-caboclos.php

Prece aos caboclos. Obrigado, Oxalá, pela fé que me sustenta, Pelos amigos que fiz E continuo fazendo. Obrigado, Oxalá, Pelas bençãos de Ogum, Pela proteção de Iemanjá, pelo amor de Oxum. Obrigado, Oxalá, Pela força de Iansã, Pela retidão de Xangô, Pelo colo de Nanã. Obrigado, Oxalá, Pelo equilíbrio de Oxosse, ...

 

Yansã

umbandapaijoaodeangola.com.br/yansã.php

Iansã costuma ser saudada após os trovões, não pelo raio em si (propriedade de Xangô ao qual ela costuma ter acesso), mas principalmente porque Iansã é uma das mais apaixonadas amantes de Xangô, e o senhor da justiça não atingiria quem se lembrasse do nome da amada. Ao mesmo tempo, ela é a senhora do ...

Obá

centropaijoaodeangola.com/obá.php

Lendas de Obá Obá vivia em companhia de Oxum e Iansã, no reino de Oyó, como uma das esposas de Xangô, dividindo a preferência do reverenciado Rei entre as duas Iabás ... Mas é só, porque esta história de orixá disputar pelejas tipicamente humanas e carnais, está mais para coisas humanas de que mistérios divinos.

Oferenda de yemanjá

centropaijoaodeangola.com/oferenda-de-iemanjá.php

O local apropriado para as Oferendas à Iemanjá são as praias de mar onde, também, domina Ogum Beira-Mar. Nas praias de mar, outrossim, também atua Iansã, em parte. As pedras rachadas, na verdade, são os locais apropriados para Oferendas à Iansã, bem como as pedreiras com cachoeira. Muitos e os mais ...

Características dos filhos de Yansã

centropaijoaodeangola.com/características-dos-filhos-de-yansã.php

Os filhos de Iansã devem vigiar os rins e a vesícula biliar, pois podem vir a sofrer com problemas nestes órgãos. O ENCONTRO E O CASAMENTO COM OGUM Ogum foi um dia caçar na floresta. Ele ficou na espreita e viu um búfalo vindo em sua direção. Ogum avaliou logo a distância que os separava e preparou-se para  ...

Lendas de Xangô

centropaijoaodeangola.com/lendas-de-xangô.php

Lenda tirada do livro Mitologia dos Orixás - Reginaldo Prandi - 2001 Xangô torna -se Orixá Xangô vivia em seu reino com suas 3 mulheres Iansã, Oxum e Obá ... blog · Exu Marabô · História de Iansã · Defumação de Limpeza e Descarrego · Banho de Preto velho · História de Xangô · Conhecendo os Falangeiros de Ogum .

Quem é Iansã?

centropaijoaodeangola.com/quem-é-iansã.php

O Físico e o Temperamento Os filhos de Iansã são como ela: livres e independentes, não dão nenhuma importância a opinião alheia. Amam a natureza, adoram viajar são extrovertidos e ... A história de Iansã Oiá, literalmente, "aquela que rasga", e que eu reconto aqui : Iansã Oiá tinha um pai adotivo e vivia com ele na ...

Pontos Cantados mp3 Orixás

centropaijoaodeangola.com/pontos-mp3-orixás.php

Clique em dowload Ogummmm Para baixar: pontos de Ogum. Clique em dowload Para baixar: pontos de Oxum. Clique em dowload Para baixar: pontos de YANSÃ Clique em dowload Para baixar: pontos de Yemanja. Clique em dowload Para baixar: pontos de NANÂ DE BURUQUE Clique em dowload Para baixar: ...

Oferenda de Yansã

centropaijoaodeangola.com/oferendas-a-yansã.php

Ajebo ou ajébo é comida ritual do Orixá Xangô Aira, é feito com seis quiabos cortado em “lasca”, batido com quatro clara de ovos e pode ser regado com gotas de mel de abelha e azeite doce. Há também o Abeoajebó para Oxalá que é batido sem nenhum ingrediente, Amalá é comida ritual votiva do Orixá Xangô, Iansã, ...

Características dos filhos de Obá

centropaijoaodeangola.com/características-dos-filhos-de-obá.php

Mais tarde, Obá tornou-se a terceira mulher de Xangô, pois ela era forte e corajosa. A primeira mulher de Xangô foi Oiá-Iansã que era bela e fascinante. A segunda foi Oxum, que era coquete e vaidosa. Uma rivalidade logo se estabeleceu entre Obá e Oxum. Ambas disputavam a preferência do amor de Xangô.

Ogum Beira Mar

centropaijoaodeangola.com/ogum-beira-mar.php

A história que vou narrar, transcrevo-a exatamente como ouvi do Senhor Ogun Beira Mar: "Eu nasci no ano de 1268 de Nosso Senhor Jesus Cristo. Meu amigo ... Êpa Rei Iansã. Oxumarê · Batismo na Umbanda · caboclo boiadeiro · Conduta moral · Ogum Beira Mar. umbandapaijoaodeangola.com.br/ogum-beira-mar.php.

Ogum Rompe Mato

umbandapaijoaodeangola.com.br/ogum-rompe-mato.php

centropaijoaodeangola.com/o-compromisso-assumido.php. Histórias de Vovó Luiza · Atribuição dos Preto-velhos · Ogum Rompe Mato · Ogum Yara · A história de vovó Benedito · Oferenda de Oxum · Oferenda a Xangô. Obá. centropaijoaodeangola.com/obá.php. Lendas de Obá. Obá vivia em companhia de Oxum e Iansã, ...

Batismo na Umbanda

centropaijoaodeangola.com/batismo-na-umbanda.php

Nela pedimos a Iansã senhora dos ventos que leve o aroma das sagradas ervas a todos o lugares que andastes o protegendo de todo o mal e ultrapassando as dificuldades da vida. (SARAVÁ Iansã) O SAL: Em nome de Ogum senhor dos caminhos e das batalhas o sal que representa a proteção que lhe será dada ...

Um abraço Fraterno

centropaijoaodeangola.com/um-abraço-fraterno.php

Embora tenha sido esposa de Xangô, Iansã percorreu vários reinos e conviveu com vários reis. Foi paixão de Ogum, de Oxaguiam, de Exu, Conviveu e seduziu Oxossi, Logun-Edé e tentou, em vão, relacionar-se com Obaluaê. Sobre este assunto, a história conta que Iansã percorreu vários reinos usando sua inteligência, ...

Ossain

centropaijoaodeangola.com/ossãim.php

Do ponto de vista emocional e psicológico, Oxum e Yemanjá seriam pessoas mais controladas e menos dadas a rompantes e combates, como seria Ogum, Oxóssi e Iansã. Xangô seria a figura do homem velho que nem sempre resolve tudo a ferro e fogo. Mas essas características são contrabalanceadas pelos ajuntós.

Histórias de preto-velhos

centropaijoaodeangola.com/histórias-de-preto-velho.php

Histórias de preto-velhos Pai Joaquim da Angola sempre ama ir a beira das cachoeiras pedir mais amor a humanidade e num belo dia viu algo que o deixou ... Sou pequenina(o) diante de tí Ogum, me ampare e me proteja do que não sou capaz de ver e ouvir, afaste de de mim o negativo vindo do oculto, para que eu ...

Pai Serafim de Aruanda

centropaijoaodeangola.com/pai-serafim-de-aruanda.php

Ele lhe pedia que contasse as histórias dos Santos Africanos e de suas tribos. Nega Nhonha percebeu que ali estava alguém para prosseguir com sua missão e começou a ensinar ao menino tudo o que sabia da tradição. Procurou a mãe de Serafim e lhe pediu permissão para educar o menino. Josefa, a mãe de Serafim, ...

Xangô

centropaijoaodeangola.com/xangô.php

Porêm em nossa percepção, compreendemos que Caboclos diferentes, possuem Vibrações Originais Diferentes, podendo se apresentar sob a Vibração de Ogum, de Xangô, de Oxóssi ou Omulu. Já as Caboclas, podem se apresentar sob as Vibrações de Iemanjá, de Oxum, de Iansã ou de Nanã. Não há necessidade da .

Banho de descarrego

centropaijoaodeangola.com/banho-de-descarrego.php

Quarta- feira é dia dos orixás do fogo, Xangô, Iansã e Obá, faça conosco uma oração ... fogo e da vida para que meu ser seja a própria vida de seu amor e de sua justiça . Zumbi dos Palmares. centropaijoaodeangola.com/zumbi-dos- palmares.php. Para grande surpresa e espanto de todos, o mendigo transformou -se em ...

Orixá LOGUN-EDÉ

centropaijoaodeangola.com/orixá-logum-edê.php

Como Oxum estivesse vivendo seu romance com Xangô, tio de Logun, e Xangô tivesse exigido como condição do casamento que ela se livrasse de Logun, Oxum aproveitou a oportunidade para punir Logun com sua transformação num orixá meji (hermafrodita) e abandona-lo na beira do rio. Iansã o encontra, e ...

exu

centropaijoaodeangola.com/exu.php

Além da grande afinidade entre as duas figuras míticas (que são irmãos de acordo com as lendas), Ogum é o responsável pelo desbravamento, pelo desmatar e o criar de novos caminhos, pela expansão ... Exus do Tempo: Esta linha é formada por Exus que servem a Orixá Yansã, São os mais "ecléticos e versáteis".

NÃO ENCONTRO O QUE PROCURA USE BUSCADOR

Digite na caixa de pesquisa abaixo o que deseja encontrar no Site

Agradecemos sua visita Volte sempre....

 

 

 

Traduzir Esta Página


Av.na Sofhia Rasgulaeff  177.

Jardim Alvorada/ Maringá /Paraná

Telefone: (44) 3034-5827 (44) 99956-8463 

Consultas Somente com Hora Marcada.

Atendimento: de Segunda a sexta-feira

Das 09:00 as 19:00.

Não damos consultas via whatsapp 


"Que Ogum te Abençoe hoje e sempre".


Os textos apresentados na sua maioria foram retirados , da internet. Esse é um espaço onde colocamos diversos pensamentos e o nosso principal objetivo é a divulgação da nossa Umbanda. Quando algum texto for de autoria do Centro Pai João de angola, o responsável será indicado; da mesma forma que fazemos com outros autores que não têm vínculos com a nossa casa... Comunicado Importante: Este é um Site totalmente gratuito, sem fim comercial ou lucrativo. Algumas imagens e informações provêm de outros sites na internet. Caso você seja o detentor do Copyright de qualquer uma delas, e deseje que ela seja retirada, por favor, é só nos mandar uma mensagem citando o nome e a localização para sua remoção imediata. Não temos o objetivo de nos apropriar de informações alheias tomando-as como nossa, pelo contrário, sempre que possível, colocaremos o nome do autor abaixo do título para deixar bem claro que a intenção é de divulgar a Umbanda através de textos bem elaborados e esclarecedores. Saiba que o Centro Pai João de Angola está isento de qualquer responsabilidade.


Ao mestre com carinho

Oração a Pai João de Angola

Ogum

Oxum

Yansã

oracões

Xangô

Yemanjá

Oxossi

Oxalá

Oxumarê

Preto-velhos

Caboclos

Boaideiros na Umbanda

Baianos na Umbanda

Marinheiros

Pomba Gira

Maria Padilha

Oração de exu

Banhos de descarregos

Pontos Riscados de Exu

História de Rei Congo

Maria Redonda

Pontos Cantados diversos

Pontos Cantados Orixás

Galeria de Videos

Mensagem do Sr. Zé Pilintra

Pai José da Guiné

Exu Capa Preta

Exu 7 encruzilhadas

Exu Morcego

Mensagem de Pai joão de Angola

Histórias de Vovó Luiza

Atribuição dos Preto-velhos

Ogum Rompe Mato

Ogum Yara

A história de vovó Benedito

Oferenda de Oxum

Oferenda a Xangô

Oferenda de Ogum

Oferenda de oxossi

A Mediunidade, os orixás e os caboclos

Orações Diversas

Os filhos de Omulu

Mensagens de Natal

Porque os exus riem

Cigano Pablo

Cigana Esmeralda

Mensagem de Ogum

Altar virtual

Altar Virtual dos Orixás

Altar dos Preto-velhos

Altar de Nossa Senhora

Altar de ogum

Altar de Oxum

Altar de Exu

Videos de preto-velhos

Descubra o seu Orixá

Livro de Visitas

Livro de Visitas 2

10 erros cometidos por médiuns

A tristeza dos Orixás

Altar na umbanda

Amor palavra de ordem na gira

As falanges de trabalhos na umbanda

Assistência

Atitudes interiores

Bandeira branca de Oxalá

Cantos e palmas num terreiro

Como acontece a gira

Como ler ouvir observar e saber se aquilo é certo

Conduta Moral

Conduta no terreiro de umbanda

Conflitos

Conflitos Familiares

Cores e a umbanda

Cumprimentos e posturas

De olho Fechados

Deus não te Fez para sofrer

Deus salve a Umbanda

O dia de Finados na Umbanda

ELEMENTOS DO TERREIRO DA UMBANDA

Entendendo a inveja

ESPIRITUALIDADE E CONSCIÊNCIA

Expressões usadas na Umbanda

Exu não é fofoqueiro

Exu não é o diabo

Falta de doutrina e comprometimento

Faz caridade fio

Faz o bem sem ver a quem

Fumos e Bebidas

Fundamentação doutrinátoria

Guias e Colares

Hierarquia na Casa de Umbanda.

Humildade

Jogaram uma carga pesada pra cima de mim

Linha de Esquerda: "Exu e ´Pomba-Gira"

Mediunidade na Umbanda

Mediunidade, um passo de cada vez

Mensagem de Caboclo 7 Flexas

MIRONGA DE PRETO VELHO

NÃO ABANDONES O TEU POSTO DE SERVIÇO

Normas dos terreiros

Nossos Umbigos

O maior inimigo da Umbanda

O pequeno universo do umbandista

O Perdão Não tem Contra-indicação

O templo que vos acolhe

OBRIGAÇÕES NA UMBANDA

Obrigado, vovô

Oração do umbandista

Orixá de Cabeça

Os Caboclos na Lição de Pai João

Os médiuns são Parceiros

Os Orixás se Manifestam em Nós e Através de Nós!

Os perigos e conseqüências da mediunidade mal orientada

Página inicial textos de Umbanda

Clique aqui.


Deste Site

Pai João de Angola
  • Ogum vencedor de Demanda
  • Fundamentos
  • Orações
  • Oxum
  • As pombas giras
  • Maria Padilha
  • Comida de Santo
  • Cosme e Damião
  • Giras de Umbanda
  • Homenagem a Zé Pilintra
  • Xangô senhor da Justiça
  • Yemanjá
  • banho de descarrego
  • Simpatias Diversas
  • Guias Contas e colares
  • Defumações
  • Batismo na Umbanda
  • Conselhos de Preto velhos
  • Escrava Anastácia
  • Marinheros na Umbanda
  • Pai Benedito
  • Homenagem a Tranca Rua
  • Baiano zé do Coco
  • Obá
  • Descarrego de Polvora
  • Ciganos na Umbanda
  • Sara Kali
  • Oxossi
  • Oxumarê
  • Preto-velho na Umbanda
  • Cabocla Jurema
  • Omulu-Obaluaie
  • Altar Virtual
  • Mãe Maria Conga
  • Boiadeiros na Umbanda
  • Descubra seu Orixá
  • Altar Virtual de exu
  • Altar Virtual dos Orixás
  • batizando-na-umbanda
  • Ossãim
  • O que è Caridade
  • Ogum em video
  • Caboclo boiadeiro
  • Ser Médium
  • Pontos e videos de defumação
  • Caboclos na Umbanda
  • Como acontece a Gira
  • reflexão em Videos
  • Conduta moral
  • Anjo da Quarda
  • Curiosidades
  • Intolerância Religiosa
  • Mediunidade
  • Corrente mediunica
  • Orações 2
  • tronqueira
  • Mensagens em slaides
  • Casamento na Umbanda
  • pontos cantados 2
  • Oxalá
  • Sincretismo religioso
  • Caracteristicas dos filhos
  • Altar dos Preto-velhos
  • Exu
  • Umbanda
  • Quimbanda
  • Orações das almas
  • hierarquia na umbanda
  • Livre se da Depressão
  • Reflexões
  • 7 chaves da Felicidade
  • Mensagens Espiritas
  • Tia maria de Minas
  • Minutos de sabedoria
  • Exus e pombas Giras
  • Mensagens de Otimismo e Fé
  • Convite aos Umbandistas
  • 13 de Maio
  • Combatendo o alcoolismo
  • Recomeçar de Novo
  • Superando as Percas
  • Perdoar a si mesmo
  • Decepções
  • Conceito Básico
  • Zumbi dos Palmares
  • Maria Bueno
  • Mini Série Oxum
  • Reconciliação
  • indiferença
  • desencarnar
  • Pontos Mp3 Orixás
  • O Médico dos médicos
  • Livro de Visitas
  • Corrente de Orações
  • Mensagem de Tranca-Rua
  • Conflitos Familiares
  • Amor e Ódio
  • Exu tiriri
  • Um abraço fraterno
  • Prece Aos Caboclos
  • O que Falta na umbanda
  • Mensagem de Vovó Maria Conga
  • Lições de sabedoria
  • Ajudar faz Bem
  • A umbanda que eu amo
  • Preto-velho x Exu
  • Frustrações
  • Batendo cabeça
  • Aprenda a Dizer Não
  • Insatisfação com a Vida
  • Oferenda de Marinheiro
  • Conselhos aos casais
  • Vovó Benta
  • Pai Cipliano
  • O Uso das velas
  • O luxo na Umbanda
  • Salmos Recomendados
  • Yansã
  • Pontos Riscados
  • Como combater a Inveja
  • Nanã de Buroque
  • Pai Guiné
  • Pai Tomé
  • Pai Antônio
  • Prece aos Orixás
  • Altar de Nossa senhora
  • Altar Virtual de Ogum
  • Altar Virtual de Oxum
  • Livro de Visitas 2
  • Ao mestre com carinho
  • Sabedoria de preto-velho
  • Fofocas no terreiro
  • Histórias de Preto velho
  • Aos médiuns da corrente
  • Orixá logum edê
  • História de Vó Cambinda
  • Pai Serafim de Aruanda
  • Pontos Cantados
  • Página inicial
  • descubra seu orixá
  • Assuntos Diversos
  • Oferendas de Exu
  • Oferendas para os Orixás
  • Pomba Gira Cigana
  • Oferendas a Yansã
  • Exu do lodo
  • EXU TATÁ CAVEIRA
  • Povo da Rua
  • Exu serpente
  • Exu Mangueira
  • Oração a Exu chama dinheiro
  • Exu Veludo
  • Oferenda para os preto-velhos
  • Oferenda de Boiadeiros
  • Oferenda ao Caboclo boiadeiro
  • Oferendas Básicas Umbandistas
  • banhos de abertura de caminho
  • Benzimentos
  • Caixa de Pesquisa do site
  • DICIONARIO DE UMBANDA
  • pai-Jeronimo
  • Religiões linhas sagradas
  • oferenda-de-ogum
  • Oferenda de Iemanjá
  • Ogum beira mar
  • Vovo Antonieta da Bahia
  • BARÁ
  • As águas de oxalá
  • Banhos Ciganos
  • Em sintonia com Deus
  • Lendas de Omulu
  • Lendas de Omulu
  • Caboclo pedra Roxa
  • Mensagem de Caboclos
  • Seu Zé Pilintra
  • Oferendas umbanda
  • Padê de Exu
  • Oração a Marinheiros na umbanda
  • Tudo sobre os filhos de Oxossi
  • Encruzilhadas de Ruas
  • Banhos de ervas
  • Lendas de Oxum
  • Prece a Zé Pilantra
  • Oração a santa Sara Kalli
  • Banho de defesa espiritual
  • Nossa Senhora da Conceição
  • Médium e guia
  • Características dos filhos de Ogum
  • Características dos Filhos de Oxum
  • Características dos filhos de Oxalá
  • Características dos filhos de Yansã
  • Características dos filhos de Omulu
  • Ervas e Orixás
  • Características dos filhos de Obá
  • Características dos filhos de Iemanjá
  • Características dos filhos de Oxumaré
  • Características dos filhos de Ossain
  • Características dos Filhos de Ibejis
  • Lendas de Iansã com Ogum

    umbandapaijoaodeangola.com.br/lendas-de-iansã-com-ogum.php

    Lendas de Iansã com Ogum O ENCONTRO E O CASAMENTO COM OGUM Ogum foi um dia caçar na floresta. Ele ficou na espreita e viu um búfalo vindo em sua direção. Ogum avaliou logo a distância que os separava e preparou-se para matar o animal com a sua espada. Mas viu o búfalo parar e, de repente, baixar a  ...

    Histórias de Xangô e Yansã

    centropaijoaodeangola.com/historia-de-xangô-e-yansã.php

    HISTORIA DE XANGÔ E YANSÃ: vamos conhecer agora a história de Xangô, um orixá bastante sedutor, que havia sido disputado por três mulheres: Oiá/Iansã, Oxum e Obá. Estas mulheres eram as únicas que mandavam nele, embora ele acreditasse que elas atendiam seus desejos. Para compreender como Oiá e ...

    Xangô senhor da justiça

    centropaijoaodeangola.com/xangô-senhor-da-justiça.php

    Nos candomblé dança com suas cores rituais que são o vermelho, branco e marrom. Algumas qualidades trazem na cabeça um gorro na cor vermelha. Conta uma lenda que explica o fato de Xangô e Iansã deterem ao mesmo tempo o poder do fogo. Vivia Xangô no reino de Oió e ouviu dizer de um certo mago que vivia ...

    Lendas de Omulu

    centropaijoaodeangola.com/lendas-de-omulu.php

    Ogum resolve ajudá-lo e o leva até a floresta onde tece para ele uma roupa de palha que lhe cobre o corpo todo. O filá! Mas a ajuda não dá muito certo, pois muitos viram o que Ogum fizera e continuavam a ter nojo de dançar com o jovem Orixá, menos Iansã, altiva e corajosa, dança com ele e com eles o vento de Iansã ...

    Yansã

    centropaijoaodeangola.com/yansã.php

    Salve minha Mãe Yançã Eparrei Oyá Eparrei Oyá é a mulher que sai em busca do sustento; ela quer um homem para amá-la e não para sustentá-la. Desperta pronta para a guerra, para a sua lida do dia-a-dia, não tem medo do batente: luta e vence.LENDAS DE IANSÃ O Casamento de Iansã e Ogun Ogum foi um dia ...

    Lendas de Oxum

    centropaijoaodeangola.com/lendas-de-oxum.php

    Oxum deu então seu filho a Iansã e partiu com Xangô tornando-se, a partir de então, sua esposa predileta e companheira cotidiana. O CHAMADO DE OXUM OXUM, aparece sedutoramente em ... Sabendo da história, foi correndo levar seu pedido de socorro a Olorum. Este soprou em Oxum um pó que a transformou em ...

    Cabocla jurema

    centropaijoaodeangola.com/cabocla-jurema.php

    Sua história começa aos sete meses de nascida quando foi abandonada por sua mãe e assim acabou por ser criada pelo caboclo Tupinambá, Jurema foi ... Sabendo que a maioria dos aparelhos de ação da Cabocla Jurema serem filhos e filhas ligados a Iansã, pois é sua vibração Original, existem ainda outros tipos de ...

    Pai João de Angola

    centropaijoaodeangola.com/

    E lá vem o Pai João sem pressa em sua incorporação. Na chegada com o seu corpo encurvado e bengala na mão faz o sinal da cruz, E diz : “Louvado seja Nosso senhor Jesus Cristo, louvado seja a santíssima virgem Maria, Deus salve essa casa Santa , os ausentes e os presentes, salve as almas santas e benditas.

    História de Iansã

    centropaijoaodeangola.com/história-de-iansã.php

    Embora tenha sido esposa de Xangô, Iansã percorreu vários reinos e conviveu com vários reis. Foi paixão de Ogum, de Oxaguiam, de Exu, Conviveu e seduziu Oxossi, Logun-Edé e tentou, em vão, relacionar-se com Obaluaê. Sobre este assunto, a história conta que Iansã percorreu vários reinos usando sua inteligência, ...

    História de Xangô

    centropaijoaodeangola.com/história-de-xangô.php

    Mitologia Filho de Bayani e marido de Iansã, Obá e Oxum, Xangô nasceu para reinar, para ser monarca e, como Ogum, para conquistar e solidificar, cada vez mais, sua condição de rei. Uma das lendas que mostra bem o senso de justiça de Xangô, é aquela conta a história de uma conquista, feita pelo deus do trovão.

    Pai Antonio

    centropaijoaodeangola.com/pai-antônio.php

    Contando a história de sua passagem pela terra, ele explicou que por ser um senhor de idade, não ia mais para o corte da lenha, mas quando foi buscar um feixe de lenha para a sua necessidade, se sentiu cansado, encostou no tronco de uma árvore e nunca mais acordou. Quando perguntando se sentia falta de alguma ...

    Xangô

    umbandapaijoaodeangola.com.br/xangô.php

    Embora tenha sido esposa de Xangô, Iansã percorreu vários reinos e conviveu com vários reis. Foi paixão de Ogum, de Oxaguiam, de Exu, Conviveu e seduziu Oxossi, Logun-Edé e tentou, em vão, relacionar-se com Obaluaê. Sobre este assunto, a história conta que Iansã percorreu vários reinos usando sua inteligência, ...

    Comidas de Santo

    centropaijoaodeangola.com/comida-de-santo.php

    Amalá ou Caruru é comida ritual votiva do Orixá Xangô, Iansã, Obá e Ibêji. É feito com quiabo cortado, cebola ralada, pó de camarão, sal, azeite de dendê ou azeite doce, pode ser feito de várias maneiras. É oferecido em uma gamela forrada com massa de acaçá. Também chamado pelo povo de santo nos candomblés ...

    Fundamentos

    centropaijoaodeangola.com/fundamentos.php

    Exu – Santo Antônio. Nanã – N.S.Santana. Iemanjá – N.S. da Glória, N.S. dos Navegantes. Oxum – N.S. Conceição (RJ), N.S. das Candeias (Bahia). Iansã – Santa Bárbara. Obá – Santa Catarina. Datas Comemorativas: 20/01 – Oxossi. 31/ 03 – Umbanda. 23/04 – Ogum. 13/05 – Pretos Velhos. 13/06 – Xangô. 26/07 – Nanã.

    Zé Pilintra

    centropaijoaodeangola.com/homenagem-a-zé-pilintra.php

    História de Zé Pilintra José dos Anjos, nascido no interior de Pernambuco, era um negro forte e ágil, grande jogador e bebedor, mulherengo e brigão. Manejava uma ... Todavia, a principal história que seu Zé Pelintra quer escrever, é a da ... Prece a Zé ... centropaijoaodeangola.com/altar-virtual-de-xango.php. Altar Virtual ...

    Características dos filhos de Omulu

    centropaijoaodeangola.com/características-dos-filhos-de-omulu.php

    Ogum, Exú, Orixá Ocô, Xangô, Xapanã e os outros orixás deveriam dividir os poderes e mistérios sobre as coisas na Terra. Num dia em que Xapanã estava ... Características dos filhos de Yansã Os filhos de Iansã são pessoas que chamam a atenção por sua postura física alongada e imponente. Alegres, fortes e muito .

    Mensagens de Vovó Maria Conga

    centropaijoaodeangola.com/mensagem-de-vovó-maria-conga.php

    Num raio de 360º ao redor da construção, uma guarnição dos caboclos na egrégora de Ogum formavam verdadeira muralha armada, impedindo a invasão de ... Olha vovó para ser sincero com a senhora eu devo dizer que pelo fato de não estar entendendo aonde a senhora quer chegar com esta história de água eu ...

    Como combater a inveja.

    centropaijoaodeangola.com/como-combater-a-inveja.php

    ( Ogum). E reze diariamente ao Santo Guerreiro que Faz a abertura dos caminhos. ORAÇÃO PARA OGUM Orixá, protetor, Deus das lutas por um ideal. Abençoai-me, dai-me forças, fé e esperança. Senhor Ogum, deus das guerras e das demandas, livrai-me dos empecilhos e dos meus inimigos. Abençoai-me neste instante ...

    Pontos Riscados

    centropaijoaodeangola.com/pontos-riscados.php

    Clique em dowload Ogummmm Para baixar: pontos de Ogum. Clique em ... Pontos Riscados de Exu. Pontos Cantados 2. centropaijoaodeangola.com/ pontos-cantados-2.php. PONTOS CANTADOS Conjunto de músicas próprias utilizadas em rituais umbandistas. Servem para os mais ... Pontos Riscados de Exu · História ...

    Marinheiros na umbanda

    centropaijoaodeangola.com/marinheros-na-umbanda.php

    Caboclos de Ogum: lança, espada, elmo, espada de São Jorge ou Ogum, etc. · Caboclos de Xangô: oxé (machado de pedra de duas pontas), pedras, charuto, etc. ..... Não há como construirmos um “Reino do Céu” para nós deixando para trás histórias incompletas e ligações com rancor, vingança ou ressentimento.